LACTO-VAGIN 150ML

LACTO-VAGIN 150ML

LACTO-VAGIN. TIROTRICINA.
Fabricante: UCI-Farma
Fornecimento: Descontinuado
De R$ 20,40 Por R$ 18,21
R$ 17,66 à vista
Este produto está indisponível para compra
Este produto teve sua fornecimento descontinuado
LACTO-VAGIN 150ML É UM MEDICAMENTO. SEU USO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE UM MÉDICO OU UM FARMACÊUTICO. LEIA A BULA.

Lacto-vagin

 

Laboratório de Lacto-vagin

Uci-farma

Apresentação de Lacto-vagin

Lacto-vagin é apresentado em sol. ginecológica fr. c/ 150 ml

Informações sobre Lacto-vagin

Cada ml da solução contém: Lacto-vagin - Tirotricina ...0,25 mg Hidroxiquinolina ... 10 mg Ácido lático .. 0,04 ml Ácido tânico ... 2 mg Ácido .. 0,04 ml Cânfora .. 20 mg Veículo q.s.p. .. 1 ml Lacto-vagin, solução ginecológica, é um medicamento utilizado no tratamento de inflamações e infecções vulvovaginais. Os componentes de Lacto-vagin apresentam atividades antibacteriana, antifúngica e antiinflamatória, restaurandocaracterísticas normais da vagina e genitais externos. A Lacto-vagin - Tirotricina é um antibacteriano tópico, ativo contra bactérias Gram-positivas, aeróbias e anaeróbias. A hidroxiquinolina possui ação bacteriostática e antifúngica. O ácido tânico é um adstringente e ongestionante das mucosas, diminuindo a produção de secreções. Os ácido lático e acético elevam a acidez do meio vaginal, auxiliando na eliminação dos agentes infecciosos. A cânfora tem atividade antipruriginosa e estimulante da circulação local. Lacto-vagin pode ser utilizado como tratamento complementar, associado a medicamentos de ação sistêmica.

Indicações de Lacto-vagin

Lacto-vagin é indicado para o tratamento de vulvovaginites e cervicites. Como anti-séptico no pré e pós-operatório vaginal. Lacto-vagin pode ser utilizado como medicação complementar, associado a medicamentos de ação sistêmica, no tratamento da candidíase, gardnerelíase e tricomoníase.

Contra Indicações de Lacto-vagin

Lacto-vagin é contra indicado em casos de hipersensibilidade a Lacto-vagin - Tirotricina, hidroxiquinolina, aos ácidos lático, tânico e acético ou a cânfora ou a qualquer componente da fórmula. Duchas vaginais não devem ser realizadas durante a gravidez. Lacto-vagin não deve ser administrado pvia oral ou aplicado sobre lesões abertas. Lacto-vagin somente deve ser utilizado após a diluição em água.

Reações Adversas de Lacto-vagin

Lacto-vagin é um medicamento bem tolerado, apresentando baixa incidência de efeitos colaterais. Ocasionalmente, podem ocorrer prurido, ardência e sensação de queimação local. Esses efeitos caracterizam-se como hipersensibilidade aos compostos da formulação. Se esses efeitos forem intensos, o medicamento deve ser suspenso e o médico consultado.

Posologia de Lacto-vagin

Em um recipiente adequado, adicionar, para cada 1 litro de água morna, 30 ml de Lacto-vagin e misturar. A solução pode ser utilizada para a realização de banho de assento ou ducha vaginal. O paciente deve permanecer em contato com o banho por, no mínimo, 15 minutos, não sendo necessário o enxagüe com água ao término. Após o banho, a água deve ser artada e nova preparação deve ser feita para a próxima aplicação. Recomenda-se a realização de 2 a 3 lavagens externas diárias com Lacto-vagin. Duchas vaginais devem ser realizadas apenas 1 vez ao dia, durante cinco dias, no máximo. Banhos de assento com Lacto-vagin podem ser aplicados durante 4 semanas, no máximo. Se após o período de tratamento recomendado não houver o desaparecimento dos sintomas, o médico deve ser consultado.

Produtos Relacionados
Histórico de navegação