Enoxalow 60mg C/10  Seringas Preenchidas  0,6 ml

Enoxalow 60mg C/10 Seringas Preenchidas 0,6 ml

Enoxaparina sódica é indicada para tratamento profilático da Trombose Venosa Profunda. Encontre Enoxaparina sódica na Saredrogarias
Fabricante: Blausiegel
Frete: Entrega Rapida
EAN: 7896014670901
Código MS: 1.1637.0071.0183-3
De R$ 213,25 Por R$ 190,40
4x R$ 47,60
ou R$ 184,69 no pagamento à vista
Este produto está indisponível para compra
Enoxalow 60mg C/10 Seringas Preenchidas 0,6 ml É UM MEDICAMENTO. SEU USO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE UM MÉDICO OU UM FARMACÊUTICO. LEIA A BULA.

Enoxalow

Apresentação
10 Seringas 0,6ml preenchida 60mg
 
Substância Ativa
Enoxaparina Sódica
 
Produto Referência da Enoxaparina sódica
CLEXANE
 

Uso adulto

Composição de Enoxalow
Em cada 0,1ml da solução de Enoxalow contém 10mg de Enoxaparina sódica.
 
Indicação de Enoxaparina sódica - Enoxalow
Enoxaparina sódica é indicada para tratamento profilático da Trombose Venosa Profunda, casos reincidentes da TVP, do tromboembolismo pulmonar e para a prevenção da coagulação do circuito extracorpóreo durante hemodiálise.
 
Contra-indicação de Enoxaparina sódica - Enoxalow
Enoxaparina sódica é contra-indicado a pacientes com Hipersensibilidade à enoxaparina ou a qualquer componente do produto.
Enoxaparina sódica é contra-indicado a pacientes com endocardite bacteriana aguda com ou sem prótese valvar.
Enoxaparina sódica é contra-indicado a pacientes com alterações graves da hemostasia.
Enoxaparina sódica é contra-indicado a pacientes com lesões orgânicas suscetíveis de sangramento e pacientes com trombocitopenia.
Enoxaparina sódica é contra-indicado a pacientes com úlcera gastroduodenal ativa.
Enoxaparina sódica é contra-indicado a pacientes com acidente vular cerebral (recente), a não ser que ele tenha feito uma embolização sistêmica.
Enoxaparina sódica é contra-indicado a pacientes que já estejam utilizando medicamento antiplaquetários e antiinflamatórios não esteróidais.
 
Cuidados com o uso de Enoxaparina sódica - Enoxalow
Não misture Enoxaparina sódica - Enoxalow com outras infusões e não aplique Enoxaparina sódica - Enoxalow pvia intramuscular.
Enoxaparina sódica não deve ser administrada durante diátese hemorrágica e durante o primeiro trimestre da gravidez ou se a mulher estiver amamentando.
A admnistração de Enoxaparina sódica deve ser feita com cautela em pacientes com insuficiência hepática, hipertensão não controlada ou pacientes com histórico de úlcera pastroduodenal.
A eliminação de Enoxaparina sódica é retardada em pacientes idosos e pacientes com insuficiência renal.
Durante o tratamento com Enoxaparina será preciso verficar a contagem de plaquetas uma vez psemana (pelo menos) e em caso de plaquetopenia, o uso de Enoxaparina deverá ser interrompido.
Deve-se ter cautela no uso que precede aanestesiapvia espinhal.
 
Interações medicamentosas de Enoxaparina sódica - Enoxalow
Não é recomendado que Enoxaparina sódica seja administrado com ácido acetilsalicílico, antiinflamatórios não esteróidais, tidopidina e heparina. O uso de Enoxaparina sódica com anticoagulantes orais, glicocorticóides e Dextran 40 deve ser feito com muito cuidado.
 
Reações adversas de Enoxaparina sódica - Enoxalow
Enoxaparina sódica pode causar hemorragias, trombocitopenia, equimoses no local das injeções, manifestações alérgicas, elevações das transaminases, hematoma intra- espinhal após punção para diagnóstica ou punção anestésica, febre, náuseas, anemia hipocrômica e edema. 
 
Posologia e administração de Enoxaparina sódica - Enoxalow
Para o tratamento profilático da Trombose Venosa Profunda e da tromboembolismo pulmonar o tratamento deve durar 7 a 10 dias. Sob risco moderado pode-se utilizar 20 mg de Enoxaparina sódica pvia subcutânea ( dosagem única), iniciando a administração  2 horas antes da cirurgia. Sob alto risco a dosagem de Enoxaparina sódica pode ser de 40 mg também pvia subcutânea, com início 12 horas antes da cirurgia.
 
Superdosagem de Enoxaparina sódica - Enoxalow
Se houver manifestações hemorrágicas, a atividade anti- lla da enoxaparina pode ser neutralizada pela administração intravenosa lenta da protamina (sulfato ou cloridrato). A dose de protamina deverá ser igual à dose da enoxaparina. A neutralização da atividada anti-Xa máxima é de 60%, permitindo a persistência da atividade antitrombótica.
Produtos Relacionados
Histórico de navegação