DOXOLEM 50MG 1 FRASCO AMPOLA - DOXORRUBICINA

DOXOLEM 50MG 1 FRASCO AMPOLA - DOXORRUBICINA

Doxolem 50mg injetável. Medicamentos oncológicos. Entrega para todo Brasil
Fabricante: Zodiac
Disponibilidade: Envio imediato
Fornecimento: Descontinuado
EAN: 7892953202128
Código MS: 1.2214.0021.0062-2
De R$ 239,70 Por R$ 214,02
5x R$ 42,80
ou R$ 207,60 no pagamento à vista
Este produto teve sua fornecimento descontinuado
DOXOLEM 50MG 1 FRASCO AMPOLA - DOXORRUBICINA É UM MEDICAMENTO. SEU USO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE UM MÉDICO OU UM FARMACÊUTICO. LEIA A BULA.

Doxolem

 
Apresentação
Fro-ampola 50mg
 
Substância Ativa
Doxorrubicina
 
Quando Doxolem não deve ser utilizado
  • Doxolem (Doxorrubicina) não deve ser utilizado durante a gravidez.
  • O tratamento com Doxolem (Doxorrubicina) também não deve ser utilizado em pacientes que tenham mielodepressão induzida devido a tratamentos anteriores com outros antibióticos
  • O tratamento com Doxolem (Doxorrubicina) também não deve ser utilizado em pacientes com alterações da função cardíaca ou com insuficiência hepática e renal grave.
Reações adversas de Doxolen (Doxorrubicina)
  • Doxolem (Doxorrubicina) pode causar reações cutâneas, como alopecia completa, hiperpigmentação do leito ungueal e pregas dérmicas,em especial nas crianças.
  • Doxolem (Doxorrubicina) pode causar reações gastrintestinais, como náuseas, vômitos, os quais podem ser aliviados pmeio de terapias antiemética. Outras reações gastrointestinais a Doxolem (Doxorrubicina) incluem, estomatite ou esofagite entre 5 e 10 dias após a administração podendo progredir para caso mais grave de  ulceração grave. Doxolem (Doxorrubicina) também pode acabar causando necrose do cólon e consequentemente um sangramento ou infecção severa principalmente em pacientes com leucemia linfocítica crônica tratados com doxorrubicina associado à citarabina, durante 3 dias. Outras reações gastrointestinais que Doxolem (Doxorrubicina) pode causar são anorexia e diarréia.
  • Doxolem (Doxorrubicina) pode causar reações vulares, como flebosclerose e rubefação facial quando a injeção é aplicada rapidamente.
  • Doxolem (Doxorrubicina) pode causar celulite severa, vesiculação e necrose tecidual. Doxolem (Doxorrubicina) pode deixar marcas de estrias eritematosas ao longo da veias próximas ao local da injeção.
  • Doxolem (Doxorrubicina) pode causar reações de hipersensibilidade, como febre, calafrio, urticária, Anafilaxia e sensibilidade cruzada.
  • Doxolem também pode causar conjuntivite, lacrimejamento, sensibilidade cruzada e efeitos de fertilidade, como supressão gonadal resultando em amenorréia ou azoospermia, insuficiência da função testicular ou ovariana.
 
Como Doxolem deve ser utilizado
A dosagem de Doxorrubicina mais utilizada é a de 60 a 75 mg/m2 pvia endovenosa, em aplicação única seguido de um intervalo de 3 a 4 semanas entre os ciclos de tratamento.
Os ciclos são repetidos até que se obtenham a dose total máxima de 550 mg/m2 de Doxorrubicina.
Dependendo do caso pode-se administrar 20 mg de Doxorrubicina pm2 de superfície corporal, semanalmente.
Já para pacientes submetidos a radioterapia ou terapia com citostáticos que aumentam a toxicidade, recomenda-se a a redução da dose de Doxolem para que a dose total não ultrapasse 450 mg/m2.
Para tratar tumores sólidos em crianças recomenda-se que seja adminsitrado 30 mg de Doxorrubicina pm2 de superfície corporal, pvia endovenosa, durante 3 dias consecutivos, repetindo esse ciclo a cada 4 semanas.
Produtos Relacionados
Histórico de navegação