CARDIZEM CD 240MG C/16 CAPS

CARDIZEM CD 240MG C/16 CAPS

CARDIZEM CD. CLORIDRATO DE DILTIAZEM.
Fabricante: Boeheringer
EAN: 7896026302661
Código MS: 1.0367.0062.0261-1
De R$ 71,95 Por R$ 64,24
R$ 62,31 à vista
Este produto está indisponível para compra
CARDIZEM CD 240MG C/16 CAPS É UM MEDICAMENTO. SEU USO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE UM MÉDICO OU UM FARMACÊUTICO. LEIA A BULA.
Cardizem Indicações de Cardizem Angina do peito vasoespástica. Anginas crônica, estável e de esforço. Coronariopatias isquêmicas com taquicardia. Hipertensão arterial. Angina pós-infarto. Efeitos Colaterais de Cardizem As principais reações estão relacionadas ao bloqueio de cálcio:edema, cefaléia, náusea, tontura, astenia, rash, distúrbio gastrintestinal e bloqueio atrioventricular. Outras reações que aparecem em menfreqüência: rubfacial, hipotensão, arritmia, insuficiência cardíaca, elevação das enzimas hepáticas, insuficiência renal aguda, assistolia, parestesia, sonolência, tremor, poliúria, nictúria, anorexia, vômitos, aumento de peso, petéquias, prurido, fotossensibilidade, urticária. Como Usar (Posologia) de Cardizem Recomenda-se começar com 30 mg, 4 vezes ao dia, antes das 3 principais refeições e ao deitar. Aumentar es doses até atingir 180 a 240 mg ao dia. CARDIZEM apresenta a vantagem de um inicio da ação menos súbito, devido a uma liberação lenta do principio ativo encontrado na matriz do comprimido. Em alguns casos, devido às condições do trato gastrintestinal do paciente, esta matriz não-absorvível pode ser detectada nas fezes. Isto não implica em uma alteração no efeito terapêutico do medicamento, uma vez que o principio ativo já foi liberado e absorvido. Contra-Indicações de Cardizem Bloqueio sinoatrial; doença do nódulo sinusal; bloqueio AV de 2º ou 3ºgrau, exceto em pacientes com marcapasso ventricular; insuficiência cardíaca ompensada; pressão sistólica inferia 90 mm Hg; bradicardia acentuada (FC inferia 55 bpm); infarto agudo do miocárdio com congestão pulmonar. Também está contra-indicado em crianças, gestantes e lactantes (o diltiazem é excretado no leite materno). Precauções de Cardizem O diltiazem deve ser administrado com precaução em pacientes com bloqueio AV de 1º grau e insuficiências cardíaca, hepática ou renal. Usar com cautela em idosos, pois a meia-vida dos bloqueadores de cálcio pode estar aumentada. Apresentações de Cardizem Comprimidos de 30 mg: embalagens com 50 comprimidos. Comprimidos de 60 mg: embalagens com 25 e 50 comprimidos.BOEHRINGER INGELHEIM do Brasil Química e Farmacêutica Ltda. Composição de Cardizem Comprimidos com 30 e 60mg de cardizem - cloridrato de diltiazem. Informações Técnicas de Cardizem CARDIZEM contém o cardizem - cloridrato de diltiazem, que é um bloqueaddos canais lentos de cálcio, inibindo, assim, a entrada desse íon nas células ou a sua mobilização dos estoques intracelulares. Estudos clínicos mostraram sua eficácia em reduzir a freqüência das crises de angina, tanto em repouso quanto durante o exercício. Também mostrou-se eficaz em reduzir a pressão arterial em pacientes com hipertensão leve ou moderada. Na parede arterial, o diltiazem relaxa a musculatura lisa, uma vez que a sua contração é dependente da concentração citoplasmática de cálcio. No coração, o bloqueio dos canais de cálcio ocasiona uma diminuição da freqüência cardíaca, pretardar a condução atrioventricular e diminuir a freqüência do marcapasso sinusal. Também diminui a resistência vular coronária, com conseqüente aumento do fluxo. Em pacientes com isquemia coronária, o diltiazem reduz o produto freqüência cardíaca x pressão arterial durante o exercício, aumentando a tolerância ao mesmo sem deprimir a função miocárdica. Além disso, prolonga a duração do exercício antes do inicio da crise anginosa e retarda o aparecimento da depressão isquêmica do segmento ST. Interações Medicamentosas de Cardizem Com digoxina: Pode ocorrer elevação dos níveis plasmáticos dessa droga e, portanto, deve-se reduzir a dose de digoxina se aparecerem sinais de intoxicação digitálica. Com betabloqueadores: Pode ocorrer potencialização dos afeitos depressores cardíacos, como bloqueio AV, insuficiência cardíaca e hipotensão. Com cimetidina: Pode ocorrer elevação dos níveis plasmáticos do diltiazem. Com ciclosporina e carbamazepina: Pode ocorrer interferência no metabolismo hepático dessas substâncias, precipitando o aparecimento de nefro e neurotoxicidade. Com anestésicos: Pode potencializar a depressão da contratilidade, condutividade e automaticidade cardíaca, assim como a vasodilatação. Superdosagem de Cardizem Como medidas imediatas: indução ao vômito e (ou) lavagem gástrica. Em caso de bradicardia: atropina (0,6 a 1 mg); se não houver resposta, administrar isoproterenol com cautela. Em caso de bloqueio AV de 2º ou 3º grau: tratar como no caso de bradicardia; se não ceder, tratar com marcapasso. Em caso de insuficiência cardíaca: administrar agentes inotrópicos positivos (isoproterenol, dopamina ou dobutamina) e diuréticos. Em caso de hipotensão: administrar vasopressores (dopamina ou noradrenalina). Laboratório de Cardizem Boehringer Ingelheim
Produtos Relacionados
Histórico de navegação