BACLON 10MG C/20

BACLON 10MG C/20

Baclon é indicado para tratar Espasticidade dos músculos esqueléticos na esclerose múltipla.
Fabricante: Uniao Química
Fornecimento: Descontinuado
De R$ 29,42 Por R$ 26,27
R$ 25,48 à vista
Este produto está indisponível para compra
Este produto teve sua fornecimento descontinuado
BACLON 10MG C/20 É UM MEDICAMENTO. SEU USO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE UM MÉDICO OU UM FARMACÊUTICO. LEIA A BULA.

Baclon  

 
Apresentação
20 Comprimidos de 10mg
 
Substância Ativa
Baclofeno
 

Informações sobre Baclon

 
Composição de Baclon
Cada comprimido de Baclon contém: 10 mg de baclofeno.
Os excipientes de Baclon são Amido, polividona, celulose microcristalina, estearato de magnésio, dióxido de silício coloidal.
 
Indicações de Baclon
Baclon é indicado para tratar Espasticidade dos músculos esqueléticos na esclerose múltipla. Baclon é utilizado em estados espásticos nas mielopatias de origem infecciosa, degenerativa, traumática, neoplásica ou onhecida, como pexemplo paralisia espinal espasmódica, esclerose lateral amiotrófica, siringomielia, mielite transversa, paraplegia ou paraparesia traumática e compressão do cordão medular.
Baclon também é indicado para tratar espasmos musculares de origem cerebral, principalmente quando são resultantes de uma paralisia cerebral infantil, de acidentes cerebrovulares (AVC) ou quando ocorrem pcausa de uma doença cerebral degenerativa ou neoplásica.
 
Posologia de Baclon
A dose diária de Bacoflen deve ser administrada em frações, devendo ser administrado 3 vezes a paciente adultos e 4 vezes ao pacientes pediátricos.
Para pacientes com insuficiência renal ou naqueles pacientes submetidos à hemodiálise, recomenda-se a administração de 5 mg/dia de Bacoflen.
 
Contraindicações de Baclon
Baclon  é contraindicado a pacientes com hipersensibilidade conhecida ao baclofeno ou aos demais componentes da formulação.
 
Reações adversas de Baclon
As reações adversas pode ocorrer principalmente no início do tratamento, se a dose felevadamente bruscamente, se fadministrado doses altas ou se o paciente fidoso. Essas reações adversas ao Baclon costumam ser transitórias e podem ser atenuadas ou eliminadas pela redução da dose ou em último caso, ser interrompido o tratamento com Baclon.
Baclon pode causar reações adversas mais graves em pacientes com histórico de doença psiquiátrica, distúrbios cerebrovulares e em pacientes idosos.
 
As reações adversas mais frequentes a Baclon são: sedação diurna e sonolência.
Outras reações ocasionais que Baclon pode causar são: Depressão respiratória, delírios, tontura, fadiga, exaustão, confusão mental, vertigem, cefaléia, insônia, euforia, estados depressivos, mialgias, fraqueza muscular, ataxia, tremores, nistagmo, alucinações, pesadelos, boca seca, Distúrbios na acomodação visual, Distúrbios gastrointestinais leves, constipação, diarréia, ânsia de vômito, vômito, Hipotensão, complicações cardiovulares, enurese, disúria,  aumento da micção, Hiperidrose e erupções cutâneas.
Outras reações de Baclon que ocorrem mais raramente são: Parestesia, disartria, convulsão, diminuição no limiar convulsivo, digeusia, dabdominal, retenção urinária, impotência e disfunção hepática.
 
 
Produtos Relacionados
Histórico de navegação