Terceira idade em movimento!


Atividades físicas adequadas e frequentes beneficiam a saúde dos idosos.

Exercitar-se é um hábito que ajuda a prevenir diversas complicações de saúde. Independentemente da idade, todas as pessoas são beneficiadas pelas atividades físicas, quando realizadas da maneira correta. No entanto, nota-se um desempenho melhor do organismo naqueles que já chegaram à terceira idade se exercitando, ou seja, tendo a atividade física como aliada da qualidade de vida.
 
Um recente estudo publicado em novembro, realizado pela Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, concluiu que pessoas com mais de 65 anos e que praticam alguma atividade física têm chances reduzidas de apresentarem insuficiência cardíaca. Os responsáveis pelo estudo afirmam que qualquer prática moderada, podendo ser uma caminhada leve, por exemplo, já é suficiente para causar efeitos positivos à saúde.
 
Importante que o estudo considera as atividades menos rigorosas, o que atende às necessidades da maioria das pessoas na terceira idade, pois existem limites, físicos e mentais, que devem ser respeitados. Estar ciente das mudanças que ocorrem conforme os anos passam é extremamente importante para que os resultados sejam sempre benéficos à saúde.
 
Uma boa opção é a hidroginástica, desenvolvida especificamente para idosos e pessoas em reabilitação e que acabou atraindo adeptos de todas as idades. Ela consiste em atividades de aquecimento, alongamento, exercícios localizados e de relaxamento muscular dentro da água. Dificilmente essa atividade traz riscos de lesões articulares. Ela deve sempre ser orientada por um profissional habilitado.
 
Independentemente da modalidade esportiva escolhida, o importante é manter-se ativo, a fim de prevenir ou retardar o surgimento de doenças, reduzir a gordura corporal e amenizar os processos naturais do envelhecimento. Além disso, a prática frequente de atividades físicas melhora a autoestima e o convívio social, afastando os sintomas da depressão e a dependência de medicamentos.
 
O médico e preparador físico devem sempre ser consultados antes de se iniciar qualquer atividade física.  
 
Por: AgComunicado