Sinais e Sintomas da Pressão Baixa


Veja como identificar se você está com pressão baixa!

Sinais e Sintomas da Pressão Baixa
 
 
Os sintomas cardinais da hipotensão incluem tontura ou vertigem. Se suficientemente baixa a pressão arterial pode acarretar em desmaios e convulsões frequentemente. A pressão arterial baixa, por vezes, está associada com determinados sintomas, muitos dos quais estão relacionados com causas ao invés de efeitos de hipotensão arterial:
 
 
1. Dor no peito;
2. Falta de ar;
3. Batimentos cardíacos irregulares;
4. Febre acima de 38,3 ° C (101 ° F);
5. Dor de cabeça;
6. Torcicolo;
7. Dor severa na parte superior das costas;
8. Tosse com catarro;
9. Prolongada diarreia ou vômito;
10. Dispepsia;
11. Disúria;
12. Efeitos adversos de medicamentos;
13. Reação alérgica aguda, com risco de vida;
14. Convulsões;
15. Perda de consciência;
16. Fadiga profunda;
17. Indefinição temporária ou perda da visão;
18. Distúrbio do tecido conjuntivo.
 
 
Fisiopatologia da Pressão Arterial
 
 
A pressão arterial continuamente é regulada pelo sistema nervoso autônomo, usando uma rede elaborada de receptores, nervos e hormônios para equilibrar os efeitos do sistema nervoso simpático, que tende a elevar a pressão arterial, e o sistema nervoso parassimpático, que reduz ele. As habilidades de compensação ampla e rápida do sistema nervoso autônomo faz com que indivíduos normais mantenham uma pressão aceitável ao longo de uma vasta gama de atividades e em muitos estados de doença. Ter um aparelho de pressão automático em casa é indicado para aqueles que normalmente sofrem desta condição, bem como em casas onde há idosos e pessoas com diabetes. 
 
 
Para a maioria dos adultos, a pressão de sangue mais saudável é igual ou inferior a 120/80 mmHg. Uma pequena queda na pressão arterial, mesmo tão pouco como 20 mmHg, pode resultar em hipotensão transitória.
 
Henrique Torres