Quais as chances de ter gêmeos?


Não se sabe por que isso acontece, mas parece que a composição corporal pode influenciar a chance de ter gêmeos.

 
Não se sabe por que isso acontece, mas parece que a composição corporal pode influenciar a chance de ter gêmeos. Vários estudos têm mostrado que, para mulheres altas (164 centímetros ou mais), a chance relativa de ter gêmeos é entre 1,5 e duas vezes maior do que para as mulheres curtas (menos de 155 centímetros). Mães de gêmeos também têm maior índice de massa corporal (IMC) em comparação com as mães de crianças individuais - um IMC menor que 20 está associado com uma menor probabilidade de geminação enquanto um IMC de 30 ou mais está associada com um risco mais elevado. Há também evidências de que a chance de ter gêmeos aumenta quanto mais tarde a mãe dá à luz.
 
 
Especialistas acham que isso acontece por causa de uma mudança nos sinais hormonais enviados entre a hipófise e os ovários. No Reino Unido as chances de ter qualquer tipo de gêmeos em qualquer idade é de um em 63, mas estas probabilidades reduzem para um em 46, uma vez uma mulher é mais velha do que 35 anos, e um em cada 18 se uma mulher concebe após a idade de 45 anos. Um certo número de estudos demonstraram que, em vários países, a variação sazonal influencia a geminação de gêmeos não idênticos. Há maiores taxas de concepção, durante o verão e o outono.
 
 
Uma teoria apresentada é que a duração do dia pode influenciar as concentrações hormonais e a condução da atividade ovariana e a fertilidade influência a ovulação múltipla. Se você quer melhorar o seu sistema hormonal você pode utilizar a Maca Peruana, ela restaura o equilíbrio hormonal saudável e o corpo pode operar em melhores condições. Alguns estudos indicaram recentemente que a razão para o efeito de aumentar a libido com a Maca Peruana é o efeito nutritivo que tem sobre o corpo, permitindo que os níveis de testosterona e estrogênio sejam regulados com base nas necessidades dos organismos.
 
 
Um estudo realizado por Johan Fellman e Aldur Eriksson no Instituto de Genética Folkhalsan em Helsínquia também sugere que as mudanças na oferta de alimentos durante as diferentes estações do ano também podem contribuir para a gestação de gêmeos.
 
Henrique Torres