Problemas de pele são decorrentes de intoxicação, alerta pesquisadora


PEQUENAS MUDANÇAS NOS HÁBITOS ALIMENTARES JÁ PODERIAM CAUSAR ÓTIMOS EFEITOS

Quem nos dias de hoje se alimenta de forma saudável e equilibrada? Em um dia a dia agitado, movido a pressões e a prazos curtos, as pessoas se rendem a uma alimentação rápida e que consiste principalmente na grande quantidade de sustâncias nocivas à saúde. 

Dentre as alternativas para uma mudança de estilo de vida que parta da alimentação está o Crudivorismo que resumidamente se refere ao consumo de alimentos crus. Trata-se de um estilo de vida em que a pessoa ganha em saúde porque elimina da dieta os alimentos e substâncias nocivas que fazem parte de seu cotidiano.

A chef francesa Crudivegana, Anne-Sophie Bertrand, pesquisadora, educadora em alimentação saudável e bióloga, relata que seu jeito de compreender a vida é por meio da hiperconexão do planeta e de que possui uma visão sistêmica das coisas, o que a auxilia a compreender melhor sobre o que ocorre ao seu redor:

 

“As bacias hidrográficas estão mostrando sinais de degenerescência, as florestas também estão degenerando, as árvores estão perdendo a capacidade de absorver oxigênio, de nos fornecer o ar com o qual vivemos. Nós poderíamos ficar muito tempo sem comer, mais ou menos alguns dias sem beber, mas sem respirar você aguenta quanto tempo?”


A pesquisadora ressalta que o mesmo processo de degeneração que ocorre nos ecossistemas pode ser observado na população humana, o que pode ser constatado pelo aumento de casos de doenças como câncer, diabetes e doenças neurodegenerativas.


De acordo com o artigo Alimentação viva – Mudar hábitos para regenerar a vida, a maioria dos alimentos oferecidos no mercado são ricos em substâncias nocivas, em hormônios, em corantes, acidulantes, flavorizantes, conservantes etc. e o organismo para conseguir digerir essas substâncias se utiliza de sua força vital, o que coloca em risco o sistema de defesa do corpo, consequentemente surgem doenças alérgicas e degenerativas.

A pesquisadora Anne-Sophie além de se dedicar ao estudo da alimentação como fator importante na cura e prevenção de doenças, acredita que é possível por meio de ingredientes naturais e por meio da alimentação, conquistar benefícios também estéticos.

A estudiosa esclarece que os problemas que surgem na pele são resultados de intoxicação e de que muitas vezes cria-se o hábito do engano ao próprio corpo, como quando se olha para si e apenas se percebe o que está errado como “Meu cabelo está caindo;  minha pele está feia com cravos; essa micose horrível”, toda essa autodepreciação que ela chama de desamor, faz parte da realidade de milhares de pessoas:

 

“Você pode se alimentar muito bem, mas se ficar se desamando, se odiando a cada vez que bate o olho no espelho, nada pode funcionar. Porque antes de mais nada você é energia e energia não mente”.


A educadora em alimentação saudável esclarece que na maioria dos casos, dentre a população Ocidental, as pessoas estão com o sistema excretor totalmente exausto e disfuncional.

 

“Estamos desidratados. Como saber se você está desidratado? Cada vez que você vai ao banheiro, é importante olhar para a cor e prestar atenção no cheiro da urina, precisa ser incolor e inodora”, alerta.


O artigo Sua pele é o que você come esclarece que a alimentação saudável é a responsável pela saúde e beleza da epiderme, já que os nutrientes presentes no corpo são responsáveis também pela nutrição da pele. Anne-Sophie acrescenta que a maioria dos problemas de pele como dermatite, acne, seborreia, entre outros, fazem parte de uma resposta do sistema renal: 

 

“Quando os dois rins estão frágeis, a pele, o maior órgão do corpo humano e responsável pela eliminação de toxinas, começa a manifestar anomalias como micoses, rosácea, dermatite, erupções, acne etc... É sinal de que tanto o sistema linfático quanto o sistema excretor estão pedindo socorro”.


A especialista também alerta que quando se pensa que o problema está na pele, na verdade trata-se de comprometimentos no organismo que refletem sobre a pele, que passa a manifestar anomalias: “A boa notícia é que a alimentação viva pode resgatar a integridade do funcionamento fisiológico".

No artigo Água: métodos de desintoxicação natural, a água é descrita como um dos recursos naturais disponíveis mais benéficos à saúde e como um agente de desintoxicação acessível.

A pesquisadora explica que a água é uma das vias de desintoxicação assim como a ‘intenção energética’.

Outro recurso de desintoxicação é a respiração. Anne-Sophie compara o homem a uma espécie de bobina energética, desde que saiba respirar e usar os músculos para tal e alerta que as pessoas respiram superficialmente, sem encher os pulmões totalmente:

 

“Tente respirar vinte minutos ao menos para sentir o gosto da liberdade e começa a fazer esse trabalho de desintoxicação em você. É sublime, você vai ver que a sua capacidade pulmonar vai aumentar, seus problemas respiratórios vão deixar de existir. O estresse, a ansiedade vai melhorar, a pele ficará mais luminosa, porque a pessoa estará mais oxigenada”.


Dentre as substâncias mais nocivas à saúde, a pesquisadora destaca o açúcar (pó branco) e acredita que a alimentação cheia de venenos reflete sobre o cérebro da maioria das pessoas que se torna quimicamente alterado por conta desses hábitos alimentares nocivos.

A especialista acredita que não há um limite de idade para que maus hábitos alimentares mudem e para que um novo estilo de vida se faça presente: “Não importa se você tem setenta anos, cinquenta anos, vinte anos. Assim que você começar, está ótimo”.

E você? Tem pensado em mudar o estilo de vida?


 

 

Anne-Sophie Bertrand - Chef crudivegana, educadora em alimentação saudável e bióloga. Anne é apaixonada por pesquisar e experimentar seus próprios produtos de beleza com ingredientes naturais.

Blogueira no site: paodasophie.com.br

Fanpage: www.facebook.com/dicasdasophie

 

 


Fontes

Semana da Alimentação Viva. Semav: semav.com.br

Crudivorismo – A ciência dos Alimentos Vivos: www.crudivorismo.com.br

Alimentação viva – Mudar hábitos para regenerar a vida: www.vegetarianismo.com.br/sitio/index.php?option=com_content&task=view&id=571&Itemid=117

Sua pele é o que você come. Mais equilíbrio: http://www.maisequilibrio.com.br/beleza/sua-pele-e-o-que-voce-come-6-1-5-184.html

Água: métodos de desintoxicação natural. Vida e Saúde: http://www.vidaesaude.org/terapias/agua-metodos-de-desintoxicacao-natural.html

Daiana Barasa