Pressão alta na infância


A pressão alta na infância e adolescência é algo que não deve ser ignorado. Saiba mais

A pressão alta, ou hipertensão arterial, é uma das doenças mais comuns.  Se trata de uma doença que atinge os vasos sanguíneos, cérebro, rins e olhos e pode levar até a morte.
 
Os fatores que podem levar a pessoa a desenvolver a doença são o fumo, consumo excessivo de bebidas alcóolicas, estresse, grande consumo de sal, sedentarismo. Já a hipertensão arterial na infância e adolescência geralmente é causada pela obesidade infantil e também fatores hereditários, ou seja, se os pais tiverem pressão alta há grandes chances de os filhos também terem. É muito importante então que os pais peçam para o pediatra medir a pressão dos filhos, pois a hipertensão na infância pode continuar na idade adulta e criar mais problemas de saúde.
 
Algumas pesquisas e estudos mostraram que o aleitamento materno pode estar associado a uma redução da hipertensão na criança, portanto  sempre amamente seu filho até a idade necessária.
 
A hipertensão arterial é uma das maiores e mais recentes preocupação dos pediatras. Toda criança acima de 3 anos devem ter sua pressão arterial checada, mas a medida deve ser feita frequentemente porque às vezes a criança fica nervosa com o procedimento de medida e a pressão acaba ficando alta mesmo, portanto espere a criança se acalmar e meça a pressão novamente.
 
A hipertensão arterial deve ser medida com frequência para se obter controle, portanto é bom ter sempre um aparelho de pressão digital em casa, seu uso é muito prático e a pessoa pode carregá-lo consigo para onde for. 
 
Carina Xavier