Poluição do ar e as dificuldades dos asmáticos


Saiba como se prevenir das crises de asma nos períodos de tempo seco e poluição do ar.

 
A poluição é uma das principais inimigas das pessoas que sofrem de asma. Responsável por desencadear sintomas e ataques asmáticos, a poluição do ar prejudica o controle da asma em pessoas que vivem nas cidades grandes e bem movimentadas. 
 
Estudos constataram que crianças que vivem em bairros próximos a túneis e pontes, onde a poluição do ar é maior, apresentam altos índices de problemas respiratórios, ao contrário das crianças que vivem longe desses pontos.
 
Um asmático tem as vias aéreas respiratórias hipersensíveis, que quando entram em contato, com qualquer estimulante, como fumaça de cigarro, ozônio ou de algum automóvel, são afetadas com inflamação e constrição dos brônquios, os tubos que levam o ar até os pulmões, levando a tosse, chiado no peito e falta de ar que resultam nos ataques. 
 
Na medida em que a concentração do ozônio no ar se eleva, o risco de sofrer ataques de asma aumenta, ainda mais. De acordo com dados de internações, nos períodos de tempo seco, a cada nível elevado de ozônio no ar, o risco de hospitalização por asma, subiu cerca de, 22% em crianças com menos de dois anos de idade. 
 
Para se prevenir dos ataques de asma, nos períodos de altos níveis de ozônio, você pode seguir estas sugestões:
 
- Praticar exercícios físicos em ambientes fechados ou no início do dia. Pois, à medida que, o dia avança e as temperaturas aumentam, os níveis de ozônio se elevam. 
- Ficar longe de áreas de alto tráfego de automóveis.
- Mesmo sem sintomas, utilize diariamente doses de corticoide inalatório, respeitando as doses indicadas pelo médico.
- Pelos de animais, ácaros, insetos e poeira domiciliar devem ser eliminados. Cuidar da higiene do lar é fundamental. Especialistas recomendam que a roupa de cama seja lavada semanalmente. 
- Evitar ficar perto de velas ou sprays aromatizadores. Esses produtos liberam cheiros fortes e muita fumaça, que podem irritar as vias aéreas e desencadear crises de asma. 
- Esteja em dia com a vacina da gripe. Os vírus causadores de infecções respiratórias, também estão presentes no vírus da gripe, e podem inflamar as vias aéreas, causando crises de asma.  
 
Se as reações alérgicas estiverem constantes e persistirem, especialistas indicam o medicamento Dexametasona, que possui propriedades anti-inflamatórias e pode auxiliar no tratamento.