Os benefícios do Pilates no combate à TPM


Atividades como o Pilates tem mostrado resultados no combate à TPM.

 
Os famosos sintomas da TPM como inchaço, irritação e dor conseguem desanimar qualquer pessoa que pense em se exercitar, mas estudos comprovam que praticar alguma atividade física traz benefícios para a mulher e ajuda a atenuar as dores durante o período menstrual. 
 
Um desses estudos foi realizado pela University of British Columbia, no Canadá, que escolheu oito mulheres para correr aproximadamente 20 km por semana, durante seis meses. Após esse período todas elas confirmaram que as dores nas mamas diminuíram e que a irritabilidade era bem menor na semana que antecede a menstruação. 
 
Isso acontece porque o exercício físico aumenta o metabolismo e favorece a circulação sanguínea, melhorando as funções vitais do corpo. Outra explicação é que os exercícios liberam hormônios como a endorfina, ligado à sensação de prazer. Essa liberação, mesmo durante um alongamento já causa a sensação de bem estar. 
 
Atividades como o Pilates tem mostrado resultados no combate à TPM, principalmente em mulheres que sofrem muito cólicas. Pilates é um método de alongamento e exercício físico que utiliza o peso do próprio corpo na execução. É uma técnica composta por exercícios fundamentados na anatomia humana, com a intenção de aumentar a flexibilidade e a força muscular, corrigir a lesão e melhorar a respiração. 
 
No Pilates, os principais músculos trabalhados são do abdome, da região lombar, dos glúteos e quadris. A prática do Pilates ajuda a ter um melhor fluxo sanguíneo, melhora o humor e diminui o inchaço que as mulheres costumam ter antes e durante o período menstrual. Além disso, o exercício mexe com o emocional, deixando as mulheres mais centradas no sentido físico e mental. Existem produtos naturais que também contribuem para a melhora dos sintomas da TPM, como o Tribulus Terrestris. Além de ajudar na TPM, o Tribulus Terrestris  auxilia na produção de energia e força física, contribuindo para a prática de exercícios.
 
Portanto, as bolsas de água quente e os remédios para cólica já podem ser substituídos por atividades físicas como o Pilates.