Onde a Dengue se Desenvolve Mais?


Os pesquisadores descobriram que a dengue está presente nos trópicos. Veja as características mais comuns das regiões com epidemias!

Os pesquisadores descobriram que a dengue está presente nos trópicos. Como é comum, o desenvolvimento depende principalmente de uma região:
 
 
1. Chuvosa;
2. Temperatura Alta;
3. Grande Grau de Urbanização - no entanto, em um estudo publicado na PLoS Medicine (edição de agosto de 2011), pesquisadores do Instituto de Medicina Tropical de Nagasaki, no Japão, escreveu que as pessoas que vivem em áreas rurais têm um maior risco de infecção pelo vírus da dengue do que os moradores da cidade.
 
 
 
O Professor Hay e sues colegas estimam que existam cerca de 390 milhões de infecções de dengue em humanos anualmente em todo o mundo. Noventa e seis milhões de pessoas alcançam "qualquer nível de gravidade clínica ou subclínica". Este é um valor muito maior do que a Organização Mundial da Saúde (OMS) previa: é 50-100000000 infecções anuais.
 
 
O Professor Hay disse: "Descobrimos que a propagação do clima e da população foi fatores importantes para predizer o risco atual de dengue em todo o mundo. Com a globalização e a marcha constante da urbanização, prevê-se que poderia haver mudanças dramáticas na distribuição da doença no futuro: o vírus pode ser introduzido em áreas que anteriormente não estavam em risco, e aqueles que estão atualmente infectados podem experimentar aumentos do número de infecções. Esperamos que a pesquisa vá iniciar uma discussão mais ampla sobre o impacto global desta doença".
 
 
Setenta por cento dos 96 milhões de infecções aparentes ocorrem na Ásia, com a Índia tendo um terço do total. Estima-se que aproximadamente 16 milhões de pessoas se tornem infectadas com a dengue na África a cada ano, muito maior do que as estimativas anteriores, aproximadamente o mesmo que o total nas Américas.
 
 
É importante ressaltar que os pacientes com dengue não podem se tratar com medicamentos à base de ácido acetil salicílico, como, Melhoral, Doril, Sonrisal, Cibalena, e outros.
 
Henrique Torres