Óleo de girassol: Você conhece as propriedades?


Muitos não conhecem o poder do óleo de girassol, reconstituí os tecidos epiteliais e segundo estudos pode ser usado como tratamento de outras doenças.

 
Poucas pessoas conhecem as propriedades do óleo de girassol. Mas em alguns casos é recomendado até mesmo por médicos, principalmente em casos de problemas de pele. A semente de girassol é rica em vitamina E, em antioxidantes e atua inclusive prevenindo câncer, infecções e o envelhecimento celular.
 
A indicação do uso do óleo de girassol se dá em casos de rachaduras de pele, bolhas, queimaduras, o uso do óleo forma uma camada protetora sobre a pele contra agentes externos e auxilia potencialmente na recuperação dos tecidos. 
 
O óleo de girassol é rico em ácidos graxos e desta forma, atua combatendo bactérias e renovando o tecido epitelial. 
 
A extração do óleo é feita por meio da compressão a frio. Pesquisadores já concluíram que óleo pode ter outras funções além do uso externo. Segundo estudos realizados por um bacteriologista ucraniano chamado Dr. F. Karach , o ato do bochecho ou gargarejo com o óleo de girassol resulta em uma terapia capaz de tratar dores de cabeça; bronquite; dor de dente; tromboses; artroses; eczemas; problemas intestinais; renais; doenças femininas, entre outras. 
 
O processo de bochecho com o óleo de girassol faz com que o organismo elimine micróbios patogênicos e outras substâncias prejudiciais à saúde. Essa constatação se deu por meio de análises do líquido expelido pela boca de alguns indivíduos, foi possível visualizar grande quantidade de agentes externos (micróbios, bactérias) em estágio inicial, por este motivo, o óleo de girassol é enxergado como tratamento.
 
A indicação é de bochecho de 1 colher de chá a 1 colher de sopa de óleo de girassol, o indivíduo deverá realizar o procedimento sem pressa, a sensação inicial é de líquido mais viscoso, pastoso, mas depois o líquido se diluí e é necessário que quando expelido saia na cor branca. 
 
Este é um tratamento alternativo, a duração segundo especialistas é de que deve ser mantido até que o organismo esteja com a defesa imunológica reconstituída. O óleo de girassol é rico e merece mais atenção.
 
Daiana Barasa