O Tamanho da Cintura e os Problemas de Saúde


Veja como vários problemas de saúde estão relacionados com o tamanho da cintura.

Gordura armazenada ao redor da cintura foi vista como um dos fatores que causa uma variedade de complicações para as mulheres, especificamente associada com função ovariana perturbada, ciclos de ovulação irregulares e falta de ovulação, que dificultam a fertilidade, e isso é visto em outros dados, onde os 50-60% das mulheres com síndrome do ovário policístico foram consideradas como obesas. Além disso, as chances de doença cardíaca, doença hepática e diabetes tipo 2 (que pode ser controlada com medicamentos como o Victoza) são todas aumentadas por excesso de peso.


A idade das mulheres do grupo também aumentou as preocupações sobre a fertilidade, com 50% entre 26 e 46 anos. A Grã-Bretanha parece estar seguindo os Estados Unidos, com a expansão de cinturas e avisos de um problema de saúde futuro.


Serviços estão se preparando para uma onda de obesidade relacionada com doença crônica o que colocaria uma grande pressão sobre prestadores de cuidados de saúde. A situação é realçada por um acontecimento recente de um adolescente no país de Gales, Reino Unido, que teve de ter sua casa cortada, com a parede do quarto demolida, pois ele estava muito obeso para sair de outra forma, estima-se que em mais de 400 kg, quase meia tonelada, e isso ocorreu depois que ele já tinha recebido um apoio importante para perder peso, incluindo uma viagem prolongada para um tratamento de perda de peso nos Estados Unidos.
 

O problema de peso no Reino Unido não para por aí. Mais de metade de todas as mulheres nos testes MOT tinham índices de massa corporal superiores a escala saudável de 18-25 e quase um quinto foram consideradas moderadamente obesas ou com obesidade mórbida.
 
Henrique Torres