O Risco do Sol para as Crianças


Conheça algumas dicas de segurança para as famílias com crianças que planejam ficar longe dos dias de frio e desfrutar do sol.

O Risco do Sol para as Crianças
 
 
Conheça algumas dicas de segurança para as famílias com crianças que planejam ficar longe dos dias de frio e desfrutar do sol. Dias de sol significam que as crianças tendem a saírem ao ar livre, muito mais em comparação com os meses de inverno. O aumento da exposição à luz solar direta faz com que os pais de preocupem não só em proteger a pele dos filhos e tomar medidas para evitar insolação e desidratação, mas também proteger os olhos das crianças.
 
 
De acordo com uma pesquisa realizada pelo centro visão do Hospital de Los Angeles, na Califórnia, os olhos das crianças podem ser danificados pela exposição ao sol. A exposição excessiva aos raios ultravioletas aumenta o risco de desenvolver catarata ou degeneração macular mais tarde na vida.
 
 
De acordo com os médicos dermatologistas, a conscientização do câncer de pele tem aumentado consideravelmente nos últimos anos. Mesmo assim, eles acrescentam que ainda existem muitas pessoas que não estão cientes dos perigos da exposição à luz solar. Apenas uma queimadura de sol escaldante pode aumentar os riscos de câncer de pele, segundo o Dr. Anjali Dahiya, um dermatologista do centro de saúde da mulher de Nova Iorque. Cinco queimaduras podem dobrar o risco, ele acrescentou.
 
 
Intensa exposição ao sol antes dos 20 anos de idade é um fator de risco muito maior para desenvolver o câncer de pele do que depois dessa idade, disse a Dra. Lauren Sternberg, uma dermatologista do centro de saúde do New York Hospital. Para a prevenção destes problemas de pele é fundamental que as pessoas utilizem o protetor solar.
 
Henrique Torres