O poder medicinal do alho


Quais as principais propriedades desse alimento?

Quais as principais propriedades desse alimento?

O alho é um alimento originário da Europa Meridional e das regiões do Oriente, é de cultivo milenar e representa mais do que um tempero essencial para conferir sabor aos mais diversos pratos, significa saúde.
 
Possui importantes minerais: fósforo, cobre, cálcio, selênio, zinco, potássio, entre outros, e teor considerável de vitamina C.
 
Entre as diversas propriedades do alho está o poder antiinflamatório, contra infecções e bactericida. Protege o sistema respiratório prevenindo doenças como: bronquite, asma, gripe, problemas relacionados ao pulmão e é indicado até mesmo para casos de rouquidão. Age como poderoso expectorante e atua contra a febre e dores no corpo.
 
Para os diabéticos é um alimento importante já que atua equilibrando os níveis de açúcar no sangue, controla a pressão arterial e equilibra inclusive, os níveis de colesterol.
 
O alimento fortalece o sistema imunológico contra agentes externos agressores, por isso é recomendável em forma de chás ou xaropes naturais.
 
Para resultados efetivos, o consumo deve ser feito “in natura”, pode ser usado em molhos para saladas, no preparo de recheio de sanduíches, a criatividade pode ser amplamente explorada. A melhor maneira de utilizar o alho é amassado ou triturado, de maneira que haja um descanso de pelo menos dez minutos antes da utilização, isso para que uma importante substância presente no alho conhecida como alicina (bactericida e antiinflamatória) possa atuar.
 
É um alimento importante na prevenção de doenças do coração. 
 
A vitamina C e minerais como o zinco e selênio presentes no alho são responsáveis pela ação antioxidante que inibe a formação de radicais livres, previne o envelhecimento celular e diversas doenças, como o câncer.
 
Quem consegue realizar uma alimentação prazerosa sem sabor? O alho é um condimento natural que não agride a saúde, pelo contrário e, contribui para agregar valor nutricional à alimentação. Explore mais o alho no uso diário.
 
 
Daiana Barasa