O Austismo e a Bumetanida


Veja como a redução dos sintomas de autismo pode ser auxiliada por um medicamento para tratar o coração.

Usando várias ferramentas de avaliação de autismo padronizada, pesquisadores descobriram que a droga bumetanida melhorou os sintomas de autismo. Os efeitos da medicação foram mais acentuados em crianças com autismo mais suave. No caso de relatórios que incluíam o estudo, algumas das melhorias vistas incluíam mais contato visual, uma melhoria na comunicação não verbal e a melhoria na comunicação social.


Efeitos colaterais foram muito suaves, embora o uso da droga requeira monitorização periódica para níveis de potássio; uma criança no estudo tinha baixos níveis de potássio. O Autor sênior do estudo Yehezkel Ben-Ari, fundador do Instituto de Neurobiologia do mar Mediterrâneo em Bohars, França, disse que os autores acreditam que a melhoria dos sintomas é devido a um efeito sobre o GABA, causado pela droga.


Um especialista disse que as conclusões do estudo parecem muito promissoras. "Este é um estudo muito interessante. Os autores pegaram uma medicação que está na prateleira posterior há décadas e, surpreendentemente, encontraram um benefício clinicamente significativo quando usado em crianças com autismo, especialmente aquelas do lado mais suave do espectro" observou o Dr. Andrew Adesman, chefe de Pediatria comportamental e de desenvolvimento do Centro Médico Infantil de Nova York Alexandra Cohen em New Hyde Park, N.Y.


"As crianças precisariam ser tratadas com esta medicação indefinidamente, porque suas melhorias deterioram-se quando a medicação é interrompida. E nós ainda não sabemos se existem quaisquer preocupações em longo prazo deste tratamento" disse ele. "Esperamos que este estudo seja um catalisador para novas pesquisas. Precisamos ver estudos adicionais antes de podermos recomendar este tratamento amplamente, mas desde já é aprovado pela FDA e devemos saber mais em poucos anos."
 
Henrique Torres