“Novembro Verde” visa combater as doenças degenerativas


Conscientize-se você também!

A Associação Brasileira de Portadores de Charcot-Marie-Tooth (ABCMT) lança este mês o “Novembro Verde”, com o objetivo de divulgar e ajudar a combater diversas doenças degenerativas, inclusive a doença que dá nome à Associação. Promovido por um grupo de pacientes, médicos e pesquisadores, o Novembro Verde tem o intuito de chamar a atenção da sociedade civil e do governo para as doenças degenerativas em geral. O primeiro evento da mobilização verde será o 5° Encontro de Charcot-Marie-Tooth, nos dias 9 e 10 de novembro, na Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP/USP), interior de São Paulo. O encontro na Universidade de São Paulo reunirá especialistas em diversas áreas, como neurologia, fisioterapia e terapia ocupacional.
 
A ABCMT pretende elaborar e distribuir uma cartilha sobre a Charcot-Marie-Tooth nas escolas públicas. As ações do movimento foram inspiradas no “Outubro Rosa”, uma mobilização de caráter mundial criada para conscientizar a população sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama.
 
Em geral, as doenças degenerativas acarretam alterações nas células, órgãos ou tecidos, causando tumores, infecções ou inflamações. São várias e cada qual tem seu tratamento específico. Com as mobilizações durante o Novembro Verde, os grupos visam reunir meios de intensificar as pesquisas e aumentar a perspectiva de tratamentos para doenças sérias como Charcot-Marie-Tooth (distúrbio do sistema nervoso de origem genética e que causa danos nos nervos periféricos), polineuropatia amiloidotica familiar (também chamada de Doença dos Pezinhos), ataxia espinocerebelar (adquirida por envenenamento por metais pesados e doenças do sistema neuroimunológico; pode ser hereditária), leucoencefalopatias (sindrome neuropsiquiátrica decorrente da falência dos leucócitos, ou glóbulos brancos), esclerose lateral amiotrófica (síndrome neurodegenerativa progressiva) e esclerose múltipla (doença inflamatória que gera degeneração das bainhas de mielina).
 
A campanha Novembro Verde pode ser acessada no Facebook (www.facebook.com/NovembroVerde).
 
Por: AgComunicado