Mais Atenção ao Desenvolvimento dos Meninos


Saiba como a falta de atenção ao desenvolvimento dos meninos pode causar problemas com a criptorquidia e o câncer.

 Mais atenção ao desenvolvimento dos meninos
 
 
Quando você aprende a examinar o sistema reprodutivo feminino na escola você geralmente acha, em comparação, o sistema reprodutivo masculino bastante simples e acessível. No entanto, não é simples não. Pesquisas recentes sugerem que deveriam estar dando mais atenção ao desenvolvimento masculino, não apenas para ajudar os meninos a compreender e cuidar de uma parte particularmente sensível e vulnerável de sua anatomia, mas também para ajudar aos meninos a responder questões maiores sobre o que está acontecendo no seu corpo durante seu crescimento. A criptorquidia é um proglema que pode ser causado por fatores de risco durante a gravidez., como a diabetes, que pode ser controlada por medicamentos como o Victoza.
 
 
Como parte da análise de cada menino, pediatras verificam uma condição relativamente comum, conhecida como criptorquidia, que significa um testículo oculto ou secreto. Entre 3 e 5 por cento dos meninos recém-nascidos têm pelo menos um testículo que não desce para o escroto, com maior incidência em bebês prematuros.
 
 
Em casos de criptorquidia, o testículo pode descer em seu próprio tempo durante os primeiros meses após o nascimento. Se isso não acontecer, há uma operação de orquipexia, que libera o testículo para o escroto. A maioria dos cirurgiões prefere operar quando o menino tem cerca de um ano de idade. Se o testículo permanece no abdômen, onde a temperatura corporal é mais elevada, as células germinativas não amadurecem adequadamente e a fertilidade e a produção de esperma futuros ficam em risco. 
 
 
Médicos também se preocupam com os testículos que não desceram por causa de uma forte ligação entre a criptorquidia e o câncer de testículo. Uma grande nova análise publicada este mês descobriu que meninos nascidos com testículos que não desceram têm três vezes o habitual risco de desenvolver câncer de testículo. Meninos que tiveram esse problema ao nascer precisam saber sobre ele, como eles crescem e precisam aprender como fazer autoexames testiculares normais.
 
Henrique Torres