Fatores de Risco das Mães para Surgimento de Criptorquidia nos Bebês


Saiba quais são os fatores de riscos das mães que podem causar o surgimento de criptorquidia nos bebês.

 Fatores de riscos na mãe para surgimento de criptorquidia nos bebês
 
 
Fatores de risco podem incluir o consumo regular de álcool durante a gravidez (5 ou mais doses por semana, estão associadas com um aumento de 3 vezes na criptorquidia, quando comparadas às mães que não consumiram bebidas alcoólicas durante a gravidez. Tabagismo é também fator de risco conhecido. Antecedentes familiares de criptorquidia ou outros problemas de desenvolvimento genital também são condições de risco.
 
 
Obesidade e diabetes durante a gestação também foram associados com condições de risco. (A diabetes pode ser controlada com medicamentos como o Victoza).
 
 
Criptorquidia ocorre em uma taxa muito mais elevada em conjunto com um grande número de síndromes de má-formação congênita. Entre os mais comuns estão a síndrome de Prader-Willi, a síndrome de Down e a síndrome de Noonan.
 
 
Em 2008 foi publicado um estudo que havia investigado a possível relação entre a criptorquidia e a exposição pré-natal a uma substância química chamada ftalato (DEHP), que é usada na fabricação de plásticos. Os investigadores encontraram uma associação significativa entre níveis mais elevados de metabólitos DEHP em mães grávidas e várias alterações relacionadas com o sexo, incluindo a descida incompleta dos testículos em seus filhos. De acordo com o autor do estudo, uma pesquisa nacional descobriu que 25% das mulheres dos Estados Unidos tinham níveis de DEHP semelhantes aos níveis que foram encontrados como sendo associados às anormalidades sexuais.
 
 
A Criptorquidia está associada com a fertilidade reduzida (para alguns casos de infertilidade é recomendado o uso do medicamento Gonal).
 
Henrique Torres