Exercício para a saúde mental!


O exercício é muito mais do que se manter em forma e emagrecer. Ele também pode ajudar com a sua saúde emocional e mental.

 
O exercício é muito mais do que se manter em forma e emagrecer. Ele também pode ajudar com a sua saúde emocional e mental. O exercício pode ajudá-lo a melhorar sua autoestima, manter sua mente fora de problemas, e dar-lhe uma sensação de controle. Em geral, as pessoas que estão aptas têm menos ansiedade, depressão e estresse do que pessoas que não são ativas. Uma pesquisa sugere que o exercício pode ajudar com problemas específicos de saúde mental. O exercício pode ajudar a prevenir a depressão que sempre volta (recaída) e melhorar os sintomas de leve depressão.
 
 
Esteja seguro enquanto se exercita!
 
 
O exercício moderado é seguro para a maioria das pessoas, mas é uma boa ideia falar com o seu médico antes de aumentar sua atividade. Qualquer pessoa com a idade de 65 anos ou mais deve falar com um médico antes de realizar exercício.
 
 
Comece devagar, e aumente gradualmente o quanto você se exercita!
 
 
Parar de se exercitar, se você tem dor, especialmente a dor no peito, ou graves problemas respiratórios, é essencial. Converse com seu médico sobre estes sintomas. As pessoas que são propensas a ter alta ansiedade ou pânico podem ter um episódio durante o exercício por causa do acúmulo de certas substâncias químicas do corpo (como o ácido lático). Se você tiver algum problema durante o exercício, converse com seu médico.
 
 
Dicas para ser ativo!
 
 
Pode ser difícil ser ativo quando você se sente deprimido ou ansioso ou tem um problema de saúde mental. Mas a atividade pode ajudá-lo a se sentir melhor, então, faça o seu melhor para encontrar uma maneira de ser ativo. É bom começar com pequenos passos. Você pode construir-se a partir de alguns minutos por dia. Veja algumas dicas:
 
 
  1. Não exagere. Comece com exercícios simples, como caminhar, andar de bicicleta, nadar ou correr.
  2. Aqueça os músculos por cerca de 5 minutos antes de começar a se exercitar. Para fazer isso, você pode caminhar lentamente, mover seus braços e pernas ou fazer alongamentos musculares simples.
  3. Se você pode falar durante o exercício, você está indo bem.
  4. Se você pode cantar durante o exercício, você pode se exercer um pouco mais rápido ou de maneira mais difícil.
  5. Se você não é capaz de falar, você provavelmente está em um exercício muito difícil. Abrande um pouco.
 
Henrique Torres