Estudo Comprova que Dormir Pouco Engorda!


Veja como foi realizado o estudo que comprovou que ter um sono restrito resulta em ganho de peso.

Estudo Comprova que Dormir Pouco Engorda!
 
 
Para seu estudo, Wright e colegas convidaram 16 voluntários adultos e jovens, magros e saudáveis para ficar em uma suíte de "sono" do Hospital da Universidade do Colorado, por cerca de duas semanas. A suíte de "sono" oferece um ambiente calmo e tranquilo para dormir, mas também é um ambiente controlado. Os pesquisadores decidem quando as luzes vão ligar e desligar, e a sala selada lhes permite medir o oxigênio que os participantes respiram e o dióxido de carbono que respiram assim eles sabem quanta energia eles estão usando.
 
 
Os três primeiros dias foram gastos, estabelecendo as medidas de linha de base. Todos os voluntários tiveram a oportunidade de dormir 9 horas por noite, e eles receberam apenas comida suficiente para manter o peso. Depois que eles foram colocados em grupos de dois para cinco dias: um grupo teve a sua oportunidade de sono restringida a 5 horas e o outro continuou com 9 horas. Além disso, seu fornecimento de alimentos mudou, assim eles poderiam comer refeições maiores e comer fora das refeições, lanches, variando de iogurte e frutas, batata frita e sorvete. Em seguida, os pesquisadores juntaram os grupos para os próximos cinco dias.
 
 
Os resultados mostraram que, quando o sono era restrito apenas por 5 horas por noite, os voluntários em média queimaram cerca de 5% mais calorias do que quando eles poderiam dormir 9 horas, mas eles consumiram cerca de 6% a mais de calorias. Também, enquanto o sono era restrito, eles comiam pequenos cafés da manhã, mas comiam mais lanches após a refeição da noite, na medida em que o total de calorias consumidas nos lanches da noite foi mais do que as calorias em uma refeição qualquer. Ou seja, se as pessoas querem emagrecer, devem regularizar seu sono.
 
Henrique Torres