Dietas famosas na internet podem ser perigosas


Lançadas por celebridades prometem o emagrecimento rápido. E a saúde, como fica?

 

Emagrecer é o desejo de muitas pessoas, seja por estética ou por condições de saúde. Hoje existe um número imenso de dietas que prometem milagre em uma semana! Será mesmo que funciona e traz benefícios para a saúde? Muitas das opções são lançadas por celebridades que afirmam já ter testado a eficácia das dietas. Vamos conhecer algumas opções perigosas para a saúde do organismo e que sabotam uma vida saudável. 
 

Afinal, de nada adianta perder dois quilos em uma semana e engordar 10 num único mês.  Não é possível comer por toda a vida papinha de bebê, não é mesmo? A melhor opção seria a alimentação equilibrada e saudável. Vejam exemplos de dietas que não devem ser seguidas, acompanhe:  
 
Papinha de bebê 

A opção foi lançada pelas famosas Lady Gaga e e a atriz Jennifer Aniston. A dieta é extremamente restritiva liberando o consumo de papinhas prontas de bebês, aquelas que existem no mercado. É indicado a ingestão de 14 potes de papinhas durante todo o dia e a noite o jantar com peixe e salada.  

Nutricionistas não aprovam seguir a dieta devido a baixíssima presença de fibras, dificultando as funções do organismo e inclusive a perda de peso de modo saudável. Este tipo de dieta pode trazer graves prejuízos para a saúde devido a pouca quantidade de vitaminas e minerais que são necessários para um adulto.  

Papinhas deste modo são feitas para bebês no início da vida, onde na maioria dos casos ainda não há dentes. No caso de adultos não contribui em nada, pois interrompe a mastigação não ajudando na saciedade.  14 potes por dia são muitos, não é mesmo? Imagina os prejuízos tanto para o organismo como para o bolso?  
 

Dieta Dukan 

A dieta dukan é bastante famosa na internet e a primeira famosa a lança-la foi a modelo Gisele Bundchen. Também restritiva a proposta elimina a ingestão de carboidratos, substância importante para as funções do organismo. Na ausência de carboidratos a pessoa pode sofrer complicações, como: dor de cabeça constante, fraqueza e tonturas. A dieta também não libera a ingestão de frutas, dificultando a absorção de fibras e nutrientes importantes para a saúde.  

Vale lembrar que a gordura liberada oriunda dos peixes, como o ômega-3 traz diversos benefícios para a saúde, mas em excesso e consumida diariamente pode elevar os níveis de colesterol e provocar complicações cardiovasculares. O recomendado é inserir esta opção no máximo três vezes na semana.  

Nutricionistas salientam sobre a perda de peso na primeira semana ser geralmente eliminação de água e não de gordura. É importante atentar-se aos malefícios do efeito sanfona - engordar e emagrecer com frequência -, nada favorável para o organismo e principalmente estética, provocando a flacidez.  

Dieta com vinagre de maçã 

Diversas pesquisas de fato comprovam a eficácia do vinagre de maçã para o emagrecimento, a cantora Fergie foi uma das primeiras a lançar a opção. Por outro lado a dieta pode ser altamente perigosa para a saúde quando não ingerida na quantidade adequada.   

O vinagre de maçã é altamente termogênico e ótimo para ativar a queima de gordura. O recomendado é no máximo o consumo de duas colheres ao dia. Quando ocorre o exagero na ingestão -  devido ao excesso de ácido -  pode ocorrer complicações no pH sanguíneo causando acidose metabólica, o que pode levar à morte.  

Juliana Rodrigues