Como melhorar a libido feminina


A falta de libido é um problema enfrentado por milhões de mulheres em todo o mundo

A falta de apetite sexual é um problema enfrentado por milhões de mulheres em todo o mundo, mas diferente dos homens, a questão para as mulheres é mais difícil de ser definida. 
 
A falta de desejo sexual para as mulheres não é influenciado apenas por problemas físicos, mas também de origem emocional. Mesmo que uma parte  da falta de interesse sexual seja de caráter físico, fatores como a depressão e outros problemas emocionais podem influenciar na vida das mulheres. 
Assim como a depressão, transtornos psicológicos, alterações no funcionamento da tireóide e uso de medicamentos como ansiolíticos podem afetar ou diminuir completamente a libido feminina. 
 
Especialistas revelam que em mulheres acima de 45 anos, essa falta de desejo ocorre pelo processo natural de envelhecimento. Mulheres na menopausa também enfrentam a falta de desejo sexual, pois quando a mulher para de ovular ou não está ovulando regularmente a libido diminui. Isso acontece porque inconscientemente a mulher tem um desejo sexual mais acentuado um pouco antes de ovular, e essa vontade dura alguns dias depois da ovulação. Quando a mulher para de ovular, ela também para de sentir desejo. 
 
Assim como as mulheres na menopausa sofrem com a falta de estrogênio (hormônio que trabalha no cérebro para manter o desejo sexual), as mais jovens apresentam uma diminuição nos níveis de testosterona, que causam cansaço, redução da infertilidade e principalmente a falta de libido. Apesar de a Testosterona ser um hormônio masculino, a deficiência desse hormônio pode acarretar vários problemas para a saúde da mulher. 
 
Apesar de existirem provas clínicas de que medicamentos como o sildenafila (Viagra) ajudam a mulher a recuperar o desejo sexual, estudos mostraram um resultado insignificante na solução do problema de libido em mulheres. 
 
Existem outros recursos que possibilitam às mulheres recuperar o desejo sexual, como medicamentos naturais que auxiliam no crescimento do nível de testosterona.
 
Medicamentos como o Tribulus Terrestris colaboram para o aumento da libido e ajudam a amenizar sintomas da TPM e menopausa.