Colesterol alto exige disciplina e controle alimentar


Substituir alimentos ajuda a equilibrar os níveis e contribuir para a saúde cardíaca.

 O colesterol é fundamental para o funcionamento do organismo. No entanto, o excesso do colesterol é prejudicial e aumenta os riscos de desenvolvimento de problemas cardiovasculares. Propensão genética e hábitos como o sedentarismo, fumo e ingestão de bebidas alcoólicas podem aumentar ou desequilibrar as taxas de LDL e HDL – o colesterol ruim e bom, respectivamente. Evitar estes maus hábitos e seguir uma alimentação saudável é o caminho para se para diminuir o colesterol ruim e melhorar a saúde.
 
O colesterol LDL é considerado o “vilão cardíaco” por representar uma grande quantidade de gordura circulando pelo organismo através do sangue, e que pode formar plaquetas e entupir as artérias. Sendo assim, entende-se que alimentos gordurosos, frituras e doces devem ser reduzidos ou cortados da dieta.
 
As substituições podem ser alvo de reclamações no início. Com o tempo, o paladar se altera e a saúde agradece. Quando as diferenças começam a ser percebidas por meio dos exames laboratoriais, o hábito de comer bem se torna prazeroso e natural. Optar por peixes, que são ricos em ômega 3, e carnes de corte magro; incluir aveia, granola, linhaça e cereais matinais nos lanches; preferir o pão integral no lugar do convencional; e trocar os temperos prontos pelos naturais alho, cebola e azeite. Estas são algumas dicas para uma dieta rica em alimentos saudáveis, que combate o colesterol ruim e beneficia a produção do colesterol bom. Preferencialmente, a dieta deve ser recomendada por um nutricionista experiente, que avalia as necessidades individuais.
 
Mudanças alimentares servem como prevenção e tratamento ao problema do colesterol alto. O quanto antes os hábitos saudáveis forem de fato adotados no dia a dia, melhor para a saúde. Fazer o devido acompanhamento médico e tomar os medicamentos prescritos, em caso de necessidade, são atitudes fundamentais para o sucesso do tratamento.
 
Por: AgComunicado