Brócolis pode reduzir o risco de artrose


Um estudo britânico constatou que um composto do brócolis pode promover efeitos significativos na diminuição da artrose.

 
Uma pesquisa realizada na Inglaterra constatou que comer uma quantidade significativa de brócolis, pode diminuir e até mesmo prevenir, a artrose. 
 
Os testes inicialmente foram realizados em células e em ratos. A equipe de pesquisadores constatou que um composto encontrado no brócolis, impede a produção de uma enzima destrutiva, responsável por causar danos na cartilagem. 
 
A artrose é caracterizada por uma doença nas articulações que causa degeneração das cartilagens, acompanhada de alterações nas estruturas ósseas. O principal sintoma é a dor articular, que pode aumentar de intensidade ao longo dos anos.
 
Se essas cartilagens articulares não existissem, um osso se chocaria contra outro. Por conta disso, a inflamação que ocorre nessas cartilagens articulares, causam o enrijecimento e redução da mobilidade articular. Para casos em que as inflamações são constantes, especialistas recomendam o medicamento Dexametasona, um anti-inflamatório corticosteroide que pode auxiliar no tratamento e na diminuição das inflamações e dores.
A equipe de pesquisadores submeteu a 20 pacientes, o consumo diário de uma dose de brócolis “super-carregado” de nutrientes, chamado de beneforte. 
 
De acordo com os pesquisadores britânicos, o corpo humano transforma o composto glucoraphanin (encontrado no brócolis), em um composto chamado sulforafano, que por sua vez, é responsável por proteger e fortalecer as articulações.
 
A equipe vai analisar esses pacientes, com o objetivo de averiguar se o sulforafano chegou ou não, até as articulações e se estão causando transformações benéficas nas células que compõem as articulações. 
Uma dos responsáveis pela pesquisa, Rose Davidson afirma: “Eu não acredito que vá reparar ou reverter à artrose... mas pode ser uma maneira de preveni-la", disse.
 
Outros 20 pacientes que não estão seguindo a dieta proposta pelos pesquisadores, serão analisados e utilizados como um grupo de comparação. 
 
Se as pesquisas comprovarem que o consumo diário de uma dose de brócolis, pode reduzir a progressão da artrose, estará mais do que confirmado que uma dieta saudável, bem como a prática regular de exercícios físicos, podem melhorar os sintomas de dores constantes e reduzir as chances da doença progredir.