Botox será usado para tratar enxaqueca


Aprovado no Brasil o uso de injeções de toxina botulínica tipo A para o tratamento da enxaqueca crônica

Foi aprovada no Brasil pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) a utilização de injeções de toxina botulínica, popularmente conhecida como “botox”, para o tratamento da enxaqueca crônica. A toxina botulínica é gerada pela bactéria que causa o botulismo, doença grave que leva à paralisia muscular e até à morte. O uso terapêutico da substância foi aprovado há vinte anos nos Estados Unidos para o tratamento de estrabismo e vem sendo empregado com sucesso desde então em diferentes países, entre eles o Brasil, no tratamento de vários problemas de saúde e estéticos, como sequelas de derrames e rugas faciais. Na maior parte dos casos, os benefícios são alcançados devido ao relaxamento muscular provocado pela substância.

A aprovação do uso da toxina bolulínica para o tratamento da enxaqueca tem por base uma pesquisa realizada nos Estados Unidos e na Europa com 1.384 voluntários. Ela mostrou que após seis meses de tratamento, os indivíduos que receberam aplicações da substância tiveram em média oito dias a menos de enxaqueca por mês. Já entre os que receberam placebo, a diminuição das crises de enxaqueca foi de seis dias.

A aplicação da substância é feita em até 39 pontos da cabeça e do pescoço do paciente. O mecanismo de ação da droga não é totalmente conhecido, mas acredita-se que ela é capaz de inibir a inflamação dos vasos sanguíneos da cabeça, alterando a percepção da dor.

A enxaqueca é causada por um desequilíbrio bioquímico de origem hereditária, com consequente  inflamação dos vasos sanguíneos da cabeça. As crises normalmente são desencadeadas por fatores hormonais, emocionais ou alimentares, como jejum prolongado, por exemplo.

Há efeitos colaterais neste tratamento, como dor no pescoço e fraqueza muscular. O efeito da toxina botulínica é temporário, e por isso as aplicações precisam ser repetidas a cada três ou seis meses. Os especialistas não acreditam que o botox seja a solução para a enxaqueca, mas uma nova alternativa de tratamento.

Por: AgComunicado