Bebê com HIV é 'Curado' pelo Tratamento Precoce


Uma menina nos Estados Unidos, nascida com HIV, parece ter sido curada após o tratamento inicial com quimioterapia padrão

Bebê com HIV é 'Curado' pelo Tratamento Precoce 
 
 
Uma menina nos Estados Unidos, nascida com HIV, parece ter sido curada após o tratamento inicial com quimioterapia padrão, segundo médicos dizem. A criança, do Mississippi, agora tem dois e meio anos de idade e parou de tomar a medicação há cerca de um ano, sem sinais de infecção. Mais testes precisam ser feitos para ver se o tratamento - dado dentro de horas após o nascimento – iria ajudar também outros pacientes. Se a menina ficar saudável, seria o segundo relatado de 'cura' do mundo.
 
 
Atualmente não existe cura para o HIV. Neste caso mais recente de uma menina nos EUA que foi tratada nas horas após o nascimento e desde então parece estar ‘curada’ e estar livre da doença não significa que encontramos este Santo Graal, dizem os médicos. Enquanto os resultados são animadores, remanesce ser visto se o tratamento proporcionará remissão permanente.
 
 
Especialistas também dizem que o mesmo tratamento não funcionaria em crianças mais velhas e adultos com HIV, pois o vírus já terá se estabelecido. Médicos da saúde pública dizem que a prevenção ainda é a melhor maneira de vencer o HIV. Gestantes com HIV recebem tratamento anti-HIV durante a gravidez e, em seguida, tem um baixo risco de entrega e não devem amamentar seus bebês se possuem até 98% de chance de ser HIV negativo. A Dra. Deborah Persaud, um virologista e médico na Universidade de Johns Hopkins, em Baltimore, apresentou os resultados da Conferência sobre retrovírus e infecções oportunistas em Atlanta. Ela diz: "Esta é uma prova do conceito que o HIV pode ser potencialmente curável em crianças”.
 
Henrique Torres