Azeite de oliva e seus efeitos benéficos para doenças cardiovasculares


O azeite tem propriedades e vitaminas que podem prevenir doenças e garantir a saúde do coração.

Segundo uma pesquisa publicada pela especialista Joima Panisello, o azeite além de ser um saboroso tempero para a culinária, é um grande aliado na redução de doenças cardiovasculares. 
 
Em sua pesquisa a especialista afirma: “O azeite é um alimento milenar, que muitas pessoas não imaginam que pode ser incorporado no dia a dia. Ele ajuda na redução das doenças cardiovasculares, diabetes, depressão, câncer de próstata, de colo e mama". 
 
A pesquisa procurou identificar o consumo do azeite como um desafio alimentar. Diante disso, institutos espanhóis envolvidos no estudo, avaliaram mais de 7.500 pessoas saudáveis que apresentavam riscos de doenças, para testar diferentes tipos de azeite e assim, definir qual produto com melhor potencial nutritivo.  
 
Ao longo do período de análise, os voluntários da pesquisa modificaram suas refeições e comprovaram que houve uma grande redução nas altas taxas de colesterol, glicose e hipertensão, por meio de uma dieta baseada no azeite de oliva. 
 
"Para a saúde, o melhor tipo de azeite é o virgem ou extra-virgem, que está associado ao modo de extração e produção, que garante a pureza do líquido", afirmou Joima.
 
Símbolo da dieta mediterrânea, o consumo de azeite é garantia de perda de peso e promoção de saúde ao organismo. Acrescentar o óleo de oliva na dieta, é proporcionar uma alimentação saudável para o corpo. 
 
Por conter vitaminas poderosas, o azeite também possui ação antioxidante e auxilia a manter a pele firme, longe das rugas. Sem contar que é anti-inflamatório e ajuda na prevenção de doenças e melhorar a pele.
 
O consumo de azeite auxilia na redução da formação de placas de gordura, responsáveis por obstruir vasos sanguíneos e artérias, além de ser rico em gorduras monoinsaturadas, que ajudam a controlar o mau colesterol (LDL). Quando ingerido moderadamente, é capaz de reduzir as altas taxas de colesterol ruim e elevar as taxas do colesterol bom (HDL). 
 
Diante de todos esses efeitos benéficos, o azeite também favorece a saúde dos ossos. Pois contém uma substância chamada oleuropeína, que possui ação anti-inflamatória (como o medicamento Dexametasona) e tem os mesmos efeitos do cálcio no organismo. Isto é, ajuda também na prevenção da osteoporose.