As Pesquisas sobre a Relação da Maconha com a Saúde


Saiba quais são os riscos do uso de maconha segundo pesquisas científicas recentes.

 


Um estudo recente, mostrando uma queda nos níveis de QI entre os adolescentes que são fumantes regulares de maconha é especialmente preocupante, disse o Dr. Evins. Um estudo mais recente descobriu que as pessoas que começaram a fumar maconha quando adolescentes e os que usaram por décadas haviam perdido pontos do QI ao longo do tempo, enquanto aqueles que começaram a fumar quando adultos não o perderam, embora alguns críticos afirmem que essas diferenças podem não ser significativas. Pesquisas mais antigas e estudos indicaram que fumantes regulares eram menos propensos a ter acesso ao ensino superior ou ao ensino de pós-graduação, mas nunca foi claro nos estudos o que veio primeiro, se a dificuldade na escola ou o uso de drogas.


Outras preocupações de saúde sobre a maconha são menos bem documentadas, mas podem vir a ser significativas. Estados que legalizaram a maconha proíbem dirigir sob sua influência, e estudos descobriram que fumar maconha aumenta a tecelagem entre pistas e retarda os tempos de reação. E embora a maconha seja vista como não prejudicial para os pulmões como o tabaco, em parte porque pessoas não fumam um maço por dia, um hábito regular eventualmente pode se tornar um perigo para os pulmões.
 

Pelo menos, os novos estudos sugerem que os pais podem querer sugerir maior moderação para seus filhos, e adolescentes que insistem em tentar usar a maconha são aconselhados a esperar até que eles fiquem mais velhos. "É a mesma mensagem sobre o álcool" disse o Dr. Gruber. "Apenas espere, vale a pena esperar".
 
Henrique Torres