Alergia nos primeiros meses de vida do bebê: o que fazer?


No primeiros meses de vida é comum que os bebês sejam acometidos por algum quadro alérgico. Como proceder nesses casos?

 
Muitas mamães procuram os pediatras preocupadas com alguma reação alérgica na pele do bebê. Antes dos seis meses de vida, é comum que surjam casos de alergia mesmo quando a criança é apenas alimentada com o leite materno, isso não quer dizer que o bebê seja alérgico ao leite da mãe, embora casos isolados possam ocorrer, as reações alérgicas nas crianças antes dos seis meses de vida podem ser resultado de alguma substância que a mãe possa estar ingerindo.
 
A alergia é um estado de complexidade que pode estar ligado a fatores genéticos ou ambientais, quando se trata de alergia alimentar, é importante que exames detalhados sejam realizados com a mãe para que seja identificada qual substância ingerida pode estar presente no leite materno e que esteja causando a reação alérgica no bebê.
 
Os alimentos mais comuns na dieta da mamãe que podem estar influenciando na alergia da criança são: leite de vaca e proteínas presentes nos ovos.  Quando se trata de alergia alimentar a criança pode ser acometida por sintomas como: diarreia; refluxo gástrico; a pele pode apresentar urticária, manchas avermelhadas acompanhadas por coceira e inchaço etc.
 
Casos de dermatite atópica são frequentes nos três primeiros meses de vida da criança, nestes casos devem ser verificados os produtos de higiene utilizados.
 
Ao surgimento de qualquer sintoma, as mamães devem procurar o pediatra e em alguns casos a própria mãe precisará se submeter a alguma dieta restrita para que não surjam alergias na criança.
 
O que é importante ressaltar é que o aleitamento materno é fundamental inclusive para prevenir a alergia nos bebês.
 
Mamães não se desesperem, é muito comum que as crianças apresentem algum tipo de alergia nos primeiros seis meses de vida, procure um médico e tenha paciência com essa fase.
 
Daiana Barasa