Açúcar mesmo em quantidades reduzidas, faz mal a saúde


Segundo dados de uma pesquisa, o açúcar faz mal à saúde mesmo consumido em quantidades consideradas normais.

 
Um estudo realizado em camundongos, na Universidade de Utah, nos Estados Unidos, mostrou que o açúcar pode ser tóxico ao organismo, mesmo sendo consumido em quantidades consideradas normais.
 
Os pesquisadores analisaram os efeitos do consumo de açúcar, equivalente a três latinhas de refrigerante por dia, associada a uma dieta saudável e equilibrada em camundongos. Eles dividiram 158 camundongos em dois grupos, na qual um dos grupos recebeu cerca de, 25% das calorias em forma de glicose. Ainda que os efeitos da pesquisa não sejam transportados para os humanos, os resultados do levantamento final, foram preocupantes. 
 
As fêmeas que receberam a dieta açucarada, apresentaram o dobro da taxa de mortalidade normal. Já os machos, não apresentaram mudanças na expectativa de vida, mas a capacidade de se reproduzir e manter os territórios, foi afetada.
 
Um detalhe que chamou atenção neste estudo, é o fato de os pesquisadores realizarem os testes em animais que não são de laboratório e sim, naqueles que vivem dentro de casas. E que de certa forma, compartilham dos mesmos hábitos alimentares dos humanos. 
 
As quantidades de açúcar acrescentadas às dietas dos animais, equivalem ao consumo de três latinhas de refrigerante por dia. Não acrescentou-se nessa dieta, os açúcares naturais, presentes em frutas e alimentos. 
 
Os resultados do estudo, ainda que realizado em camundongos, preocupou os especialistas. Pois a exposição do organismo a quantidades elevadas de glicose, está cada vez mais frequente. Um artigo publicado num periódico dos Estados Unidos apontou que o excesso de açúcar, está relacionado com a presença de altos índices de triglicérides, baixos níveis de HDL (que podem ser tratados com o medicamento Sinvastatina), além de ser um fator de risco para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares.
 
O consumo excessivo de açúcar pode causar inúmeros problemas ao ser humano. Diversas pesquisas indicam seus riscos na perda de memória e sinapses cerebrais, no desenvolvimento de síndromes metabólicas, hipertensão arterial, derrames cerebrais, acnes e câncer. O mais recomendado, é adotar uma dieta saudável e livre de glicose, para se prevenir dos riscos de desenvolvimento das doenças.