A Saúde pública e a Obesidade


Entenda quais são as principais caracteristicas e os principais efeitos da obesidade sobre a saúde. Saiba também como combatê-la.

A Saúde pública e a Obesidade


A Organização Mundial da Saúde (OMS) prevê que o sobrepeso e a obesidade podem acabar por em breve substituir as mais tradicionais preocupações de saúde pública, tais como a desnutrição e as doenças infecciosas. A obesidade seria assim o problema mais importante da saúde mundial a ser tratado.  A obesidade é um problema de saúde pública e política devido a sua prevalência, seus custos e efeitos na saúde.  Os esforços de saúde pública procuram entender e corrigir os fatores ambientais responsáveis ​​pela crescente prevalência da obesidade na população. É preciso procurar soluções para mudar os fatores que causam o consumo de energia em excesso de alimentos e inibiem a atividade física. Os esforços incluem programas de refeições nas escolas, limitando o marketing de alimentos que favoreçam a obesidade direta para crianças, e diminuindo o acesso a bebidas adoçadas com açúcar nas escolas.  Quanto a construção de ambientes urbanos, têm sido feitos esforços para aumentar o acesso aos parques e desenvolver rotas pedestres.


Muitos países e grupos têm publicado relatórios relativos à obesidade. Em mil novecentos e noventa e oito, as primeiras diretrizes federais americanas foram publicadas, intitulado "Diretrizes Clínicas na identificação, avaliação e tratamento do sobrepeso e obesidade em adultos". Em dois mil e seis, a Rede Obesidade canadense publicou o "Clinical Practice Guidelines canadenses. (CPG) sobre a Gestão e Prevenção da Obesidade em adultos e crianças". Essa é uma diretriz abrangente baseada em evidências para lidar com a gestão e prevenção de sobrepeso e obesidade em adultos e em crianças.

Henrique Torres