A Regulação da Insulina


Veja aqui como funciona a regulação da insulina.

A Regulação da Insulina
 

As células beta das ilhotas de Langerhans realizam a liberação de insulina em duas fases. A falta de liberação da insulina leva à diabetes, que pode ser tratada com medicamentos como o Victoza. A primeira fase de liberação rápida é desencadeada em resposta ao aumento da glicemia. A segunda fase é a liberação sustentada e lenta de vesículas recentemente formadas e que são acionadas independentemente do açúcar. A descrição da primeira fase de liberação é a seguinte:


    Glicose entra nas células β-através do transportador de glucose, GLUT2.
    Glicose vai para a glicólise e o ciclo respiratório, onde várias moléculas, de alta energia de ATP são produzidas pela oxidação, levando a um aumento na ATP: ADP em proporção dentro da célula.
    Um aumento da ATP intracelular: ADP fecha o ATP; sensível canal de potássio SUR1/Kir6.2. Isto evita que os íons de potássio (K +) saiam da célula por difusão facilitada, levando a uma acumulação de íons de potássio. Como resultado, o interior da célula torna-se mais positiva no que diz respeito ao exterior, levando à despolarização da membrana da superfície celular.
    Em despolarização o íon cálcio, (Ca2 +) mantém canais abertos que permitem mover os íons de cálcio para dentro das células por difusão facilitada.
    Um aumento da concentração do íon cálcio intracelular causa a ativação da fosfolipase C, que cliva a membrana fosfolipídica de fosfatidilinositol 4,5-bifosfato em inositol 1,4,5-trifosfato e diacilglicerol.
    Inositol 1,4,5-trifosfato (IP3), liga-se a proteínas de receptores na membrana plasmática do retículo endoplasmático (ER). Isto permite a liberação de íons de Ca2 + a partir do ER via IP3-gated canais, e ainda aumenta a concentração intracelular de íons de cálcio.
    Valores significativamente mais elevados de íons de cálcio nas células fazem com que ocorra a liberação de insulina previamente sintetizada, que foi armazenado em vesículas secretoras.
 
Henrique Torres