Tasigna para que serve?


O medicamento Tasigna é composto pela substância ativa Nilotinibe, que faz parte de uma geração de medicamentos inibidores da tirosina cinase

Tasigna 200mg é um medicamento anticancerígeno, indicado para o tratamento de pacientes adultos portadores de leucemia mieloide crônica positiva para o cromossomo Philadelphia (LMC Ph-positiva). Sua administração é indicada, principalmente, após falha ou intolerância a algum tratamento prévio, inclusive com o medicamento imatinibe.

O medicamento Tasigna é composto pela substância ativa Nilotinibe, que faz parte de uma geração de medicamentos inibidores da tirosina cinase (BCR-ABL). Essa proteína é produzida pelo cromossomo Philadelphia e é responsável pelo desenvolvimento e proliferação das células leucêmicas. O objetivo do tratamento com Tasigna Nilotinibe é a eliminação das células que contêm o cromossomo Ph e uma remissão completa.

Tasigna – Leucemia:

A leucemia é um câncer das células brancas do sangue, resultante de certas alterações no DNA das células-tronco. Essas alterações causam multiplicações anormais de glóbulos brancos, que se acumulam no sangue e causam a doença. A multiplicação celular é causada por uma proteína localizada na célula leucêmica chamada cinase. O uso do Tasigna medicamento é especialmente indicado para casos avançados (acelerados) ou crônicos da leucemia mieloide, principalmente em casos nos quais o paciente não respondeu a outros tratamentos.

Tasigna Bula:

O uso de Tasigna é contraindicado para pacientes que apresentam hipersensibilidade à substância ativa ou a qualquer um dos excipientes presentes em sua formulação. Mulheres em fase de lactação ou durante a gravidez devem utilizar o medicamento com cautela e com acompanhamento médico.

Tasigna efeitos colaterais:

Assim como outros medicamentos anticancerígenos, Tasigna pode causar alguns efeitos colaterais, resultantes da redução de células sanguíneas, tais como: anemia, náusea, constipação, diarreia, vômito, dor de cabeça, fadiga, dor muscular, urticária e queda de cabelo e redução de células sanguíneas. É importante informar ao médico sobre qualquer reação adversa que sinta durante o tratamento. A comunicação entre médico e paciente é essencial para o sucesso do tratamento.

Tasigna posologia:

Após o diagnóstico positivo da Leucemia, o seu médico irá fornecer informações importantes a respeito do tratamento, inclusive a dosagem adequada e a forma de administração do medicamento Tasigna, pois podem variar de acordo com o grau e evolução da doença. É importante seguir as orientações médicas e ler atentamente a bula do medicamento Tasigna.

Consulte o seu médico regularmente e se informe sobre todas as etapas do tratamento. Além do tratamento medicamentoso, o médico deve realizar uma série de exames para avaliar os níveis sanguíneos durante todo o tratamento. Esse procedimento é de extrema importância para avaliar a evolução do tratamento e evitar possíveis complicações.

Vanessa Ferreira