Tasigna – Leucemia


O medicamento Tasigna faz parte de um grupo de medicamentos conhecidos como Inibidores da tirosina quinase, ou seja, ele age diretamente sobre a proteína causadora do câncer

Nilotinibe (Tasigna) é um dos principais medicamentos indicados para o tratamento da leucemia mieloide crônica (LMC) cromossomo Philadelphia positivo. O LMC é um tipo de câncer sanguíneo que afeta as células mieloides, um subtipo de glóbulos brancos (leucócitos). A maioria dos casos de LMC está relacionada a presença de um cromossomo chamado Philadelphia (Ph), que estimula a produção da proteína tirosina quinase (BCR-ABL), que é a responsável pela multiplicação desordenada das células leucêmicas.

O medicamento Tasigna faz parte de um grupo de medicamentos conhecidos como Inibidores da tirosina quinase, ou seja, ele age diretamente sobre a proteína causadora do câncer. Sua ação é muito seletiva e visa ligar-se a proteína e destruir partes específicas das células cancerosas, o que aumenta as chances de cura e reduz a incidência de efeitos colaterais. Tasigna medicamento é aprovado no Brasil para o tratamento da LMC em pacientes que não responderam adequadamente ao tratamento com imatinibe, uma substância de primeira escolha no tratamento contra a LMC.

As leucemias são doenças causadas pela perda de equilíbrio entre as células sanguíneas (glóbulos vermelhos e glóbulos brancos). Como consequência dessa desordem algumas células imaturas são produzidas em grande quantidade e caem na corrente sanguínea antes de estarem prontas para desenvolver suas atividades. O objetivo do tratamento com Tasigna consiste em inibir a ação da proteína causadora do câncer e eliminar as células cancerosas, proporcionando maiores chances de cura.

Tasigna Bula:

O uso de Tasigna é contraindicado para pacientes que apresentam hipersensibilidade à substância ativa ou a qualquer um dos excipientes presentes em sua formulação. Mulheres em fase de lactação ou durante a gravidez devem utilizar o medicamento com cautela e com acompanhamento médico.

Durante o tratamento o médico deve solicitar uma série de exames para avaliar a aceitação do tratamento e os níveis sanguíneos. Isso ajudará seu médico a controlar sua doença da melhor maneira possível.

Tasigna efeitos colaterais:

O uso de medicamento Tasigna pode causar alguns efeitos colaterais como anemia, náusea, constipação, diarreia, vômito, dor de cabeça, fadiga, dor muscular, urticária, queda de cabelo e redução de células sanguíneas. É importante informar ao médico sobre qualquer reação adversa que sinta durante o tratamento. A comunicação entre médico e paciente é essencial para o sucesso do tratamento. É importante seguir as orientações médicas e ler atentamente a bula do medicamento Tasigna.

Vanessa Ferreira