Sprycel - Novo tratamento para a Leucemia


Esse tipo de tratamento tem sido utilizado como primeira opção para pessoas que lutam contra o câncer, devido à pouca incidência de efeitos colaterais e maiores chances de cura

Sprycel (dasatinibe) faz parte de um grupo de medicamentos utilizados na chamada Terapia-alvo para o câncer, na qual o fármaco age seletivamente sobre a célula cancerosa, proporcionando um tratamento menos agressivo e mais eficaz. Esse tipo de tratamento tem sido utilizado como primeira opção para pessoas que lutam contra o câncer, devido à pouca incidência de efeitos colaterais e maiores chances de cura.

Sprycel indicação:

Sprycel medicamento é indicado para o tratamento da leucemia mieloide crônica (LMC) e leucemia linfoide para pacientes que já tenham tido resistência ou intolerância à terapia anterior com imatinibe. O objetivo do tratamento é a eliminação das células leucêmicas e uma remissão completa da doença.

A Leucemia é caracterizada como o câncer das células brancas do sangue chamadas leucócitos. As células afetadas possuem em seu interior uma proteína chamada tirosina quinase BCR-ABL, que estimula a multiplicação das células cancerosas e a disseminação do câncer para outras partes do corpo.

A substância dasatinibe, que compõe a fórmula do medicamento Sprycel, faz parte de uma classe terapêutica de medicamentos inibidores da tirosina quinase, ou seja, ele age diretamente sobre a proteína causadora da LMC, eliminando as células cancerosas e permitindo que a medula óssea produza células normais. Os objetivos do tratamento com Sprycel incluem a redução de células leucêmicas e a melhora da contagem de células sanguíneas, para que elas possam realizar suas atividades normalmente.

Sprycel Bula:

O medicamento Sprycel é contraindicado para pacientes com hipersensibilidade a qualquer componente da fórmula. Gestantes e lactantes devem consultar o médico sobre os riscos do tratamento com Sprycel, pois a administração inadequada pode causar danos ao feto.

O tratamento com o Sprycel deve ser iniciado por um médico com experiência no diagnóstico e tratamento de doentes com leucemia. Durante o tratamento, o médico deve monitorar o seu progresso realizando exames laboratoriais de rotina para avaliar sua contagem de células sanguíneas.

Sprycel - efeitos colaterais:

O uso do medicamento Sprycel pode causar alguns efeitos colaterais como anemia (redução de glóbulos vermelhos no sangue), contagem baixa de glóbulos brancos (neutropenia), e contagem baixa de plaquetas (plaquetopenia).

Entre em contato imediatamente com seu médico se tiver qualquer sinal ou sintoma de infecção ou febre durante o tratamento. Além disso, alguns sintomas como sangramento anormal, retenção de líquido, problemas cardíacos, falta de ar, diarreia, dor de cabeça, tosse, náusea, fadiga e dor muscular também foram relatados.

Tratamento da Leucemia:

Após o impacto inicial do diagnóstico positivo da Leucemia, é importante consultar o seu médico e levar a ele os questionamentos referentes as etapas do tratamento. O médico e sua equipe fornecerão informações sobre os benefícios da terapia e o impacto da doença na vida do paciente. Além disso, será explicado como será feita a administração do medicamento (dose, horário, com ou sem alimentos), bem como todos os possíveis efeitos colaterais que podem surgir no decorrer do tratamento. Além do uso adequado do medicamento, são realizados testes para verificar a resposta do paciente à terapia.

Nessa etapa de escolha da melhor estratégia de tratamento para a Leucemia, é importante informar ao médico sobre todos os remédios que você toma, incluindo anticoncepcionais, vitaminas e suplementos. A mudança de dose ou interrupção de tratamento devem ser feitos somente com recomendação médica.

Vanessa Ferreira