A cura do câncer de mama


Hoje a retirada da mama já não é uma ação precoce a ser feita assim que a mulher recebe o diagnóstico. Essa é uma opção apenas para casos mais avançados, quando o tumor encontra-se em um tamanho muito grande.

A cura do câncer de mama

O câncer de mama é uma das doenças mais recorrentes em mulheres de todo o mundo,  e nos últimos tempos diversos estudos e pesquisas avançaram muito à respeito do assunto. Hoje a retirada da mama já não é uma ação precoce a ser feita assim que a mulher recebe o diagnóstico. Essa é uma opção apenas para casos mais avançados, quando o tumor encontra-se em um tamanho muito grande. Sendo assim, mais da metade das cirurgias de câncer de mama não retiram a mama. Em casos em que a mastectomia (retirada da mama) é necessário o cirurgião faz a chamada reconstrução mamária. 

Atualmente as cirurgias estão cada vez menos invasivas. O tratamento a ser recomendado para a mulher vai depender primordialmente do estágio em que o câncer se encontra. O estágio geralmente é  classificado como sendo de zero a quatro. Sendo o zero o estágio inicial, com uma chance de cura maior. É importante informar também que o diagnóstico do câncer de mama pede o tratamento cirúrgico tanto para a retirada do tumor, quanto alguns gânglios ao redor do local afetado. Isso é feito por uma questão de segurança e garantia.

Os fatores que indicam o melhor tipo de tratamento para a paciente são idade, as características do tumor e histórico familiar da doença. Uma das opções de tratamento para o câncer de mama é o uso do medicamento Tamoxifeno. A informação contida em “Tamoxifeno bula” consta que o medicamento é um derivado do trifeniletileno, utilizado principalmente para o tratamento de câncer de mama. Para a utilização de Tamoxifeno  precisa de receita médica.

Hoje o câncer de mama pode sim ser curado. As opções de tratamento são diversas e podem aplicadas tanto antes de uma cirurgia como servir como um tratamento pós cirúrgico. São eles:

A Radioterapia e quimioterapia

Não são todas as pacientes que precisam fazer radio ou quimioterapia. São opções que irão complementar (assim como o Tamoxifeno 20mg) o tratamento cirúrgico, assegurando assim a eliminação total do tumor. A radioterapia é um tratamento ajuda a eliminar todas as células malignas. Já a  quimioterapia é indicada para ajudar a matar as células do câncer que podem estar espalhadas pelo corpo.

Hormonoterapia

Em média,  60% das mulheres possuem tumores com hormônios femininos (os receptores de estrogênio e progesterona). São hormônios que servem como uma espécie de alimento para a célula tumoral.

Caso haja esses receptores, uma das opções de tratamento é a hormonoterapia, um tratamento que vai além da cirurgia e quimioterapia. Nele a paciente vai administrar um comprimido via oral ( assim como tomar Tamoxifeno )  durante o período estabelecido pelo médico. Se trata de uma opção preventiva que reduz as chances da doença voltar. 

Infelizmente a taxa de mortalidade causada pelo câncer de mama ainda é alta, pois a doença geralmente só é diagnosticada em um estágio avançado. Se doença for detectada em um estágio inicial a chance de cura pode chegar a 90%. Hoje em dia pesquisas estão possibilitando melhores tipos de tratamento e  o câncer de mama não é mais uma sentença de morte, mas a prevenção continua sendo a principal forma de cura. 

Carina Xavier