Bem Vindo a Sare Drogarias
LiveZilla Live Chat Software

Televendas

(11) 2021-6464

MIOSAN 10MG C/10

Fabricante: Apsen

Código do Produto:

De R$ 14,16 Por R$ 13,26

R$ 12,60 no pagamento à vista.

Comprar
bandeiras de cartões

DESCRIÇÃO DO PRODUTO

Miosan

 

Laboratório de Miosan

Apsen

Apresentação de Miosan

Miosan é apresentado em cx. c/ 30 compr. rev. de 5 mg. cx. c/ 30 compr. rev. de 10 mg.

Informações sobre Miosan

A Miosan – ciclobenzaprina, suprime o espasmo do músculo esquelético de origem local, sem interferir com a função muscular. A ação sobre a formação reticular reduz o tônus motor, influenciando o sistema motgama e alfa. Diminui o tônus muscular aumentado do músculo esquelético sem afetar o SNC nem a consciência. A Miosan - ciclobenzaprina não é eficaz no alívio do espasmo muscular devido a enfermidades do Sistema Nervoso Central. A utilização de Miosan pperíodos superiores a duas ou três semanas deve ser feita com o devido acompanhamento médico, mesmo porque em geral, os espasmos musculares associados a processos músculo-esqueléticos agudos e dolorosos são de curta duração. Farmacocinética A Miosan - ciclobenzaprina é bem absorvida após administração oral. O metabolismo da droga é gastrointestinal ou hepático e a ligação às proteínas é elevada. A meia-vida é de 1 a 3 dias, e a ação tem início em aproximadamente 1 hora após a administração. O tempo até a concentração máxima é de 3 a 8 horas e a concentração plasmática máxima (Cmáx) é de 15 a 25 nanogramas pml, após uma dose única oral de 10 mg, sujeita a grandes variações individuais. A duração da ação é de 12 a 24 horas e a eliminação é metabólica, seguida de excreção renal dos metabólitos conjugados. Certa quantidade de Miosan - ciclobenzaprina inalterada é eliminada também pvia biliar e fecal.

Indicações de Miosan

Miosan é indicado no tratamento dos espasmos musculares associados com daguda e de etiologia músculo-esquelética, como nas lombalgias, torcicolos, fibromialgia, periartrite escapuloumeral, cervicobraquialgias. O produto é indicado como coadjuvante de outras medidas para o alívio dos sintomas, tais como fisioterapia e repouso.

Contra Indicações de Miosan

Miosan é contra indicado em caso de hipersensibilidade a Miosan - ciclobenzaprina ou a qualquer outro componente da fórmula do produto. Nos pacientes que apresentam glaucoma ou retenção urinária. Uso simultâneo de IMAO (inibidores da monoaminoxidase). Fase aguda pós-infarto do miocárdio. Pacientes com arritmia cardíaca, bloqueio, alteração da conduta, insuficiência cardíaca congestiva ou hipertireoidismo.

Advertências sobre o uso de Miosan

Miosan (Miosan - ciclobenzaprina) é relacionado estruturalmente com os antidepressivos tricíclicos (p. ex. amitriptilina e imipramina). Quandodoses administradas forem maiores do querecomendadas, podem ocorrer sérias reações no Sistema Nervoso Central. A Miosan - ciclobenzaprina interage com a monoaminoxidase. Crise hiperpirética, convulsões severas e morte podem ocorrer em pacientes que recebem antidepressivos tricíclicos, incluindo a furazolidona, a pargilina, a procarbazina e IMAO. A Miosan - ciclobenzaprina pode aumentar os efeitos do álcool, barbitúricos e de outras drogas depressoras do SNC. Precauções Devido à sua ação atropínica, Miosan (Miosan - ciclobenzaprina) deve ser utilizado com cautela em pacientes com história de retenção urinária, glaucoma de ângulo fechado, pressão intra-ocular elevada ou naqueles em tratamento com medicação anticolinérgica. Pelos mesmos motivos, os pacientes com antecedentes de taquicardia, bem como os que sofrem de hipertrofia prostática, devem ser submetidos à cuidadosa avaliação dos efeitos adversos durante o tratamento com a Miosan - ciclobenzaprina. Não se recomenda a utilização do medicamento nos pacientes em fase de recuperação do infarto do miocárdio, nas arritmias cardíacas, insuficiência cardíaca congestiva, bloqueio cardíaco ou outros problemas de condução. O risco de arritmias pode estar aumentado nos casos de hipertireoidismo.

Uso na Gravidez de Miosan

Estudos sobre a reprodução realizados em ratazanas, camundongos e coelhos, com dose até 20 vezes a dose para humanos, não evidenciam a existência de alteração sobre a fertilidade ou de danos ao feto, devidos ao produto. Entretanto, não há estudos adequados e bem controlados sobre a segurança do uso de Miosan - ciclobenzaprina em mulheres grávidas. Como os estudos em animais nem sempre reproduzem a resposta em humanos, não se recomenda a administração de Miosan durante a gravidez. Amamentação Não é conhecido se a droga é excretada no leite materno. Como a Miosan - ciclobenzaprina é quimicamente relacionada aos antidepressivos tricíclicos, alguns dos quais são excretados no leite materno, cuidados especiais devem ser tomados quando o produto fprescrito a mulheres que estejam amamentando.

Interações Medicamentosas de Miosan

A Miosan - ciclobenzaprina pode aumentar os efeitos do álcool, dos barbituratos e dos outros depressores do SNC. Os antidepressivos tricíclicos podem bloquear a ação antihipertensiva da guantidina e de compostos semelhantes. Antidiscinéticos e antimuscarínicos podem ter aumentadassuas ações, levando a problemas gastrointestinais e a íleo paralítico. Com inibidores da monoaminoxidase é necessário um intervalo mínimo de 14 dias entre a administração dos mesmos e da Miosan - ciclobenzaprina, para evitarpossíveis reações (ver Advertências).

Reações Adversas de Miosan

Ainda não são conhecidas a intensidade e freqüência das reações adversas. As reações adversas que podem ocorrer com maifreqüência são: sonolência, secura de boca e vertigem. As reações relatadas em 1 a 3% dos pacientes foram fadiga, debilidade, astenia, náuseas, constipação, dispepsia, sabdesagradável, visão borrosa, cefaléia, nervosismo e confusão. Estas reações somente requerem atenção médica se forem persistentes. Com incidência em menos de 1% dos pacientes foram relatadasseguintes reações: síncope e mal estar. Cardiovulares: taquicardia, arritmias, vasodilatação, palpitação, hipotensão. Digestivas: vômitos, anorexia, diarréia, dgastrointestinal, gastrite, flatulência, edema de língua, alteração das funções hepáticas, raramente hepatite, icterícia e colestase. Hipersensibilidade: anafilaxia, angioedema, prurido, edema facial, urticária e rash. Músculo-esqueléticas: rigidez muscular. Sistema nervoso e psiquiátricas: ataxia, vertigem, disartria, tremores, hipertonia, convulsões, alucinações, insônia, depressão, ansiedade, agitação, parestesia, diplopia. Pele: sudorese. Sentidos especiais: ageusia, tinido. Urogenitais: Freqüência urinária e/ou retenção. Estas reações, embora raras, requerem supervisão médica. Outras reações, relatadas aos compostos tricíclicos, embora não relacionadas à Miosan - ciclobenzaprina, devem ser consideradas pelo médico assistente. Não foram relatadas reações referentes à dependência, com sintomas decorrentes da interrupção abrupta do tratamento. A interrupção do tratamento após administração prolongada pode provocar náuseas, cefaléia e mal estar, o que não é indicativo de adição.

Posologia de Miosan

Adultos A dose usual é de 20 a 40 mg ao dia, em duas a quatro administrações. A dose máxima diária é de 60 mg. O uso do produto pperíodos superiores a duas ou três semanas, deve ser feito com o devido acompanhamento médico.

Superdosagem de Miosan

Altas doses de Miosan - ciclobenzaprina podem causar confusão temporária, distúrbios na concentração, alucinação visual transitória, agitação, reflexos hiperativos, rigidez matinal, vômitos ou hiperpirexia, bem como qualquer outra reação rita em “Reações Adversas”. A DL 50 da Miosan - ciclobenzaprina é aproximadamente 338 a 425 mg/kg em camundongos e ratos, respectivamente. O tratamento é sintomático e de suporte. Deve ser provocado, o mais cedo possível, o esvaziamento gástrico pemese, seguido de lavagem gástrica. Após pode ser administrado carvão ativado nas doses de 20 a 40 mg a cada 4 a 6 horas, durante 24 a 48 horas após a ingestão de Miosan - ciclobenzaprina. A diálise não é eficaz para retirar a Miosan - ciclobenzaprina do organismo. Deve ser feito um ECG e controlada a função cardíaca nos casos de evidência de qualquer sinal de disritmia. Os sinais vitais devem ser cuidadosamente monitorados, bem como o equilíbrio hidroeletrolítico. Nos casos de efeitos antimuscarínicos severos ou de risco para a vida do paciente, administrar salicilato de fisostigmina (1 a 3 mg IV). Para arritmias cardíacas administrar doses apropriadas de neostigmina, piridostigmina ou propranolol. Nos casos de insuficiência cardíaca, deve ser considerada a administração de um preparado digitálico de ação curta. Recomenda-se um estrito controle da função cardíaca, pelo menos durante cinco dias.

 

COMENTÁRIOS DOS NOSSOS CLIENTES

7 Comentários

usuário

Fui super bem atendido!!! Todas as vezes que entrei em contato, fui prontamente atendido. Preço muito bom e o prazo de entrega perfeito!!! Recomendo demais.....

30 de Oct

Vinícius

(Sobradinho )

usuário

Fácil, rápido e seguro. Bom preço para o produto comprado.

30 de Oct

Marcelo

(Rio de Janeiro)

usuário

Adorei... Muito bom o atendimento e a entrega muito rápida.

30 de Oct

VALDIRENE

(Iporá )

usuário

Tive um problema com os correios na entrega, mas fui muito bem atendida e me ajudaram a resolver meu problema

30 de Oct

RENATA

(São Paulo )

usuário

Compras sem nenhum problema na entrega.

29 de Oct

Noely

(Rondon do Pará )

usuário

Bom dia! Estamos satisfeitos com o atendimento, consideramos todos os itens facilidade compra,atendimento e prazo de entrega excelente. Obrigada, pela atenção.

29 de Oct

(Belém )

usuário

Ótima

29 de Oct

Robson Oliveira da

(Conceição da Feira )